É beneficiário do Bolsa Família e não recebeu o auxílio emergencial 2021? Entenda motivos

Após o encerramento do auxílio, o Bolsa Família retornará ao atendimento habitual

1

Pessoas que recebem benefícios sociais e trabalhistas não têm direito ao auxílio emergencial 2021. No entanto, desde 2020, o único grupo que se enquadra nessa categoria, mas que recebe o benefício é a população atendida pelo Bolsa Família.

Isso se deve ao perfil de renda que os participantes devem ter para participarem do Bolsa Família: renda total mensal per capita (por pessoa) de até R$ 178, pois são consideradas como famílias em situação de pobreza e vulnerabilidade econômica e social.

Desse modo, o auxílio é destinado ao enfrentamento da pandemia pela Covid-19 pela população mais prejudicada. No entanto, alguns beneficiários do Bolsa Família não podem receber o auxílio emergencial 2021; entenda as causas.

É beneficiário do Bolsa Família e não recebeu o auxílio emergencial 2021? Entenda motivos
É beneficiário do Bolsa Família e não recebeu o auxílio emergencial 2021? Entenda motivos – Imagem: Divulgação Diário do Nordeste

Motivos que impedem o recebimento do auxílio emergencial 2021 pelos beneficiários do Bolsa Família

O público do Bolsa Família que está recebendo o auxílio emergencial 2021 corresponde a um total de 10.697.777 pessoas. Para o grupo, o governo destinou um recurso no valor de R$ 12,7 bilhões.

Entretanto, nem todos os participantes do programa têm direito ou podem receber o auxílio. Os dois principais motivos que levam a esse resultado são:

  • O valor do Bolsa Família é superior ao valor do auxílio emergencial 2021;
  • Beneficiário começou a receber o Bolsa Família em janeiro de 2021.

Tendo isso em vista, as cotas do auxílio pagas este ano, são determinadas do seguinte modo:

  • Famílias vão receber R$ 250;
  • Uma família monoparental, dirigida por uma mulher, vai receber R$ 375;
  • Pessoas que moram sozinhas vão receber R$ 150.

Desse modo, mesmo se a parcela do Bolsa Família tiver um valor próximo ao valor da cota do auxílio que o beneficiário tem direito, o programa é substituído.

Por que beneficiários recentes do Bolsa Família não podem receber o auxílio

De acordo com o governo, os beneficiários do Bolsa Família que entraram no programa em janeiro de 2021 não podem receber as novas parcelas do auxílio emergencial.

Isso se deve ao fato de que os beneficiários do Bolsa Família com direito ao Auxílio Emergencial 2021 são aqueles que já constavam na folha de pagamento do programa do mês de dezembro de 2020.

Portanto, os participantes que tiveram o Bolsa Família substituído pelo auxílio receberão as três parcelas restantes, até julho. Quando o benefício temporário for finalizado, o atendimento do Bolsa voltará normalmente.

Veja ainda: Famílias que recebem BPC podem ter direito ao auxílio emergencial; entenda melhor

Para conferir mais informações, clique aqui.

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.