Doria diz confiar que terceira via terá uma opção melhor do que Lula e Bolsonaro

“Eu confio que o Brasil terá uma alternativa para a melhor via, longe de Lula e longe de Bolsonaro”, afirmou o ex-governador João Doria

0

O ex-governador de São Paulo, o pré-candidato à presidência da República João Doria (PSDB), afirmou neste sábado (30), que a terceira via irá apresentar um candidato que pode romper a polarização entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL).

“Eu confio que o Brasil terá uma alternativa para a melhor via, longe de Lula e longe de Bolsonaro”, afirmou o ex-governador paulista, que está no estado do Pará buscando apoio para a sua candidatura – ele pretende ser o nome da terceira via.

Em entrevista coletiva, ele disse que pode ser a melhor opção para o Brasil, “mesmo com ameaça, fake news, intimidações, xingamentos ou colocações deste tipo”. “Eu não pretendo fazer nenhuma dessas ações, até porque eu não pratico política dessa maneira. Estou sempre defendendo a democracia”, afirmou.

Hoje com pouco mais de 2% das intenções de voto, o nome de Doria aparece bem longe dos líderes na disputa. No entanto, ele se sente confiante, ainda mais quando lembra de sua primeira disputa eleitoral, em 2016, quando foi candidato à prefeitura de São Paulo e venceu.

“Naquela eleição, minhas possibilidades de vitórias eram mínimas”, relembrou Doria, ressaltando que, dois anos depois, em 2018, afastou-se do cargo municipal para ser candidato ao governo de São Paulo e também venceu. Ainda durante a entrevista, Doria afirmou que a postura do atual presidente ameaça a democracia da nação. “O Brasil precisa de um bom gestor, de um resolvedor de problemas e não de um criador de problemas”, afirmou ele.

Por fim, além de dizer que ainda há uma longa jornada no processo eleitoral e que isso pode provocar mudanças, Doria destacou que existe hoje uma necessidade urgente de se estabelecer uma política ambiental para a Amazônia. “Todos os que vivem nessa região precisam ter direito à sua sobrevivência”, disse João Doria no Pará.

Leia também: Bolsonaro afirma que não quis ‘peitar o Supremo’ e deu perdão a Daniel Silveira porque sua pena foi exagerada

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.