Dólar dispara e volta a superar R$ 5; veja como isso afeta sua vida

Cotação de produtos importados é feita em dólar, ou seja, quanto mais caro estiver, mais caro a população paga por estes itens

0

Nem todo mundo sabe, mas a cotação do dólar afeta a vida de milhões de brasileiros. Você nem precisa viajar para o exterior para se preocupar com a moeda norte-americana. Os impactos da alta ou da queda da divisa podem ser sentidos aqui mesmo no Brasil.

Nesta segunda-feira (2), o dólar disparou 2,60% e fechou o dia cotado a R$ 5,0708. Na prática, esse cenário influencia a população brasileira, porque todos os produtos importados são cotados em dólar. Em outras palavras, tudo o que vem do exterior tem um custo cinco vezes maior do que no Brasil, pois cada dólar custa R$ 5.

Por falar nisso, há muitos produtos vindos do exterior que fazem parte da alimentação diária do brasileiro. Por exemplo, entre 50% e 60% do trigo consumido no Brasil vem de fora. Com o início da guerra entre Rússia e Ucrânia, os preços do grão dispararam, ou seja, quanto mais caro o dólar, mais caro o pão francês tende a ficar.

Da mesma forma, o petróleo também está mais caro do que antes da guerra. Como a gasolina e o diesel são derivados do petróleo, o combustível tende a ficar mais caro. E os preços elevados não afetam apenas os motoristas, mas também recaem sobre a tarifa de transporte público, o preço do frete e do transporte de insumos e a produção de máquinas de diversos setores. Ou seja, todo mundo sofre com isso.

Veja o que vem impulsionando o dólar nos últimos dias

Nos últimos pregões, o dólar conseguiu recuperar parte das perdas registradas em 2022. Em suma, a moeda acumula uma forte valorização de 9,8% nos últimos 12 dias. E o que mais impulsionou a divisa foi a expectativa com o aumento dos juros nos Estados Unidos.

A saber, os mercados globais apostam que o Federal Reserve (Fed), banco central americano, elevará mais fortemente os juros para conter a inflação recorde no país. Com isso, a renda fixa americana se torna mais atrativa aos investidores, pois pagará mais e ainda será a mais segura do planeta. A principal consequência deste avanço é a valorização do dólar.

Leia Também: Projeções de analistas para a inflação do Brasil em 2022 chegam a 7,89%

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.