Corpo de jovem é encontrado dentro de caçamba de lixo no Rio

Jonathan tinha 23 anos de idade e desapareceu após sair de uma boate no Rio de Janeiro. Ele foi encontrado dentro de uma caçamba.

0

A Polícia Civil investiga a morte do técnico de enfermagem Jonathan Amâncio, de 23 anos. De acordo com a entidade, o jovem desapareceu após sair acompanhado de uma boate na Lapa, no Rio de Janeiro, no final de semana, e só foi encontrado na terça-feira (21), dentro de uma caçamba de lixo em Manguinhos, também na capital carioca.

Em entrevista ao portal “G1”, nesta sexta-feira (24), uma tia de Jonathan explica que, no final de semana, a família estava reunida na boate comemorando o aniversário de uma outra tia do jovem. Dentre os convidados, informou a mulher, tinha um homem desconhecido.

“O rapaz não era conhecido de Jonathan. Ele foi levado por uma amiga dele para a festa. Em dado momento, saímos para pegar o bolo e, quando retornamos, Jonathan já não estava mais na boate. Uma outra tia dele saiu da boate atrás dele, mas não consegui mais vê-lo. Ela começou a ligar para o celular dele, mas ele não respondia”, contou ela.

Jonathan tinha 23 anos de idade e desapareceu após sair de uma boate no Rio de Janeiro. Ele foi encontrado dentro de uma caçamba.
Jonathan tinha 23 anos de idade e desapareceu após sair de uma boate no Rio de Janeiro. Ele foi encontrado dentro de uma caçamba. (Foto: reprodução)

Mensagem de Jonathan

Ainda de acordo com a tia do rapaz, horas depois, ela recebeu uma mensagem do celular de Jonathan, mas que não aparentava ser ele escrevendo. “Recebemos uma conversa no Whatsapp, que não parecia ser ele, porque ele costumava mandar somente áudios. Até o jeito de escrever estava diferente. Mandaram uma foto. Ali, pela foto, parecia que ele já estava morto”, disse a tia.

Ao ser encontrado dentro da caçamba, constatou-se que Jonathan estava com o rosto machucado e com muito sangue na cabeça. “Ele estava usando uma blusa do suspeito, do rapaz que saiu com ele da boate”, afirmou a mulher.

Homem misterioso se pronuncia

Segundo a tia do jovem, ela tentou e conseguiu contato com o homem misterioso que havia saído com o sobrinho. De acordo com ele, a vítima havia entrado em um carro prata no bairro dos Arcos da Lapa, onde fica a boate. Além de conversar com o homem, a mulher também conversou com a mãe dele.

“Ela disse que, de madrugada, o filho tinha ligado pedindo para ir buscá-lo porque ele estava todo arrebentado. Ela disse que o filho estava com meu sobrinho e que Jonathan tinha ido para casa. Depois ela mudou a história e disse que o filho não aparecia em casa desde sexta-feira”, disse Aline. De acordo com a Polícia Civil, até o momento, nenhum suspeito foi ouvido e a entidade segue investigando o caso que culminou na morte do jovem.

Leia também: Polícia prende trio suspeito de integrar milícia no Rio de Janeiro

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.