Como tratar melasma: veja dicas para aliviar as manchas

Veja agora as melhores formas para tratar o melasma

0

Como tratar melasma? Como amenizar as manchas causadas pelo melasma na pele? Estas são as perguntas que nós, do Brasil 123, pretendemos responder com este artigo. Afinal de contas, o melasma atinge uma boa parte da população brasileira, principalmente nas mulheres durante a gravidez.

O que é o melasma?

O melasma se caracteriza pelo aparecimento de manchas escuras no rosto, mais especificamente no nariz, maçãs do rosto, testa, queixo e lábios.

As manchas escuras são irregulares, e seu aparecimento varia de acordo com a exposição aos fatores de risco. Não causam dor, nem ardência ou coceira.

Se a causa do melasma for exposição demasiada à luz ultravioleta, as manchas escuras podem estar situadas no pescoço, colo e/ou nos braços. Quando a causa do melasma for alterações hormonais decorrentes da gravidez, chama-se cloasma. 

Outras causas podem ser: uso de anticoncepcionais, predisposição genética e exposição prolongada à luz ultravioleta dos celulares e computadores.

Quais são as possíveis causas do melasma?

Falamos em possíveis causas pois ainda não estão cientificamente comprovadas. Assim, as possíveis causas do melasma são:

  • Uso de anticoncepcionais;
  • Gravidez;
  • Predisposição genética;
  • Alterações vasculares;
  • Alterações hormonais como mudanças nos níveis de estrogênio nas mulheres, e testosterona nos homens, fatores normais com o processo de envelhecimento do corpo. 
  • Disfunção da tireoide;
  • Uso de cosméticos irritantes
  • Uso de medicamentos para tratar hipertensão ou epilepsia.

Como tratar o melasma?

Para aliviar as manchas, é preciso consultar um médico dermatologista para tratar de forma adequada. 

O dermatologista irá observar, portanto, as características das manchas, os locais afetados e a frequência dos sintomas.

Assim, o tratamento baseia-se em medicamentos que diminuem a produção de melanina no local, pomadas e cremes que clareiam as manchas da pele.

O médico dermatologista também pode recomendar alguns tratamentos estéticos como peeling químico (promove a esfoliação da pele, acelera o processo de remoção da melanina depositada nas camadas superiores da pele e facilita a penetração dos medicamentos tópicos) e dermoabrasão (visa o rompimento dos grãos de melanina que serão reabsorvidos e eliminados pelas células do organismo), que auxiliam no clareamento do melasma da pele.

Tratamentos para melasma na pele - Reprodução AdobeStock
Tratamentos para melasma na pele – Reprodução AdobeStock

Cuidados com a alimentação

O médico dermatologista também irá indicar uma alimentação mais potente em termos de vitamina C e E, e selênio (tomate, beterraba, espinafre, laranja e castanha do Pará, por exemplo).

Além disso, ele irá propor que você consuma no mínimo 2 litros de água para hidratar a pele, e também usar protetor solar diariamente.

Mas tratar o melasma exige comprometimento e paciência, pois os métodos mais agressivos de cuidado com a pele não funcionam. Os tratamentos mais agressivos ainda podem intensificar o escuro das manchas. 

O melasma pode regredir de forma espontânea, vagarosamente, depois do parto ou quando for deixado o uso de contraceptivos orais. Mas, tendo em vista o caráter de retorno do distúrbio, existem outros cuidados que podem acelerar o processo e evitar reincidências. 

Assim, se for possível prevenir o melasma, é recomendado que seja feito. 

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.