Como fazer um almoço balanceado todos os dias?

Veja como comer bem de forma saudável no seu dia a dia

0

Lemos em todos os lugares sobre alimentação balanceada. Todavia, o que é uma alimentação balanceada? Como fazer um almoço balanceado todos os dias? Estas são as perguntas que pretendemos responder. Hoje, aqui no Brasil 123 com este artigo.

São tantas opções de alimentos que podemos fazer de almoço, que muitas vezes surgem dúvidas sobre o que fazer para ter uma alimentação saudável e um prato balanceado.

O que é um almoço balanceado?

veja dicas de como fazer almoço balanceado no dia a dia - reprodução unsplash
veja dicas de como fazer almoço balanceado no dia a dia – reprodução unsplash

Um almoço balanceado é aquele que contém alimentos que suprem as necessidades do nosso corpo.

Mas saiba que as demandas de nosso corpo variam de pessoa para pessoa de acordo com o sexo, a idade e o que fizemos todos os dias.

Por isso, um almoço balanceado e saudável precisa ter nutrientes específicos como:

  • Carboidratos: massas, pães, cereais, de preferência os integrais;
  • Proteínas: carnes, peixes, soja, lentilha, feijão, ovos, de preferência os magros;
  • Gorduras: azeite,  ingerido com moderação;
  • Vitaminas, minerais e fibras: frutas e verduras, de preferência in natura e com casca.

Assim, um almoço balanceado contém nutrientes dos quatro grupos alimentares, em quantidade suficiente, e de boa procedência.

Na preparação de um almoço balanceado, além de considerar o consumo de alimentos de todos os grupos alimentares, ainda é preciso:

  • Consumir frutas e verduras que são plantadas próximas à sua casa, que normalmente são mais novas e mais baratas;
  • Não é uma alimentação de custo elevado;
  • Tenha sabor agradável para ser saborosa;
  • Ser diversificada e colorida, afinal, os olhos precisam aguçar o paladar.

Mas qual a quantidade de cada grupo alimentar para um almoço balanceado?

Sendo assim, a recomendação é que dividimos o prato em quatro partes iguais. Sendo assim:

  • ¼ do prato, utilize para os vegetais. Recomenda-se que seja de 3 tipos de vegetais, sendo no mínimo, um deles consumido cru;
  • ¼ do prato, utilize para os legumes refogados ou pratos elaborados que contenham legumes;
  • ¼ do prato, utilize com carboidratos. Recomenda-se que seja somente 1 por almoço, ou no máximo 2;
  • ¼ do prato, utilize para as proteínas. Recomenda-se que seja usada 1 tipo de carne ou ovos, e outro de grãos.

No entanto, saiba que as quantidades exatas devem ser calculadas a partir de um programa individualizado, feito por um nutricionista.

Qualquer tipo de preparo representa um almoço balanceado?

Saiba que não!! O tipo de preparo aponta se o prato é saudável e natural, ou calórico e não saudável.

Para ser um prato saudável e natural evite: empanados, frituras, molhos gordurosos em saladas ou carnes, creme de leite, açúcar, óleos, maionese, manteigas, entre outros alimentos.

Sendo assim, lembre-se: Tudo o que é em excesso, prejudica a saúde.

Viu como você pode ter um almoço balanceado, não gastando muito?

Comida balanceada não significa comida cara, comer exclusivamente verduras, legumes e carnes, comer alimentos requintados, ou somente comer alimentos que não possuem sabor.

Dessa forma, precisamos diversificar os alimentos, equilibrar os nutrientes e administrar as quantidades. Assim, faremos um almoço balanceado variando o cardápio todos os dias.

Por fim, almoçando de maneira saudável e balanceada, contribuiremos para a saúde do nosso corpo.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.