Candidíase oral: entenda o que é a doença do cantor Zé Neto

0

Afinal, o que é candidíase oral? Depois que o cantor Zé Neto, da dupla sertaneja com Cristino, foi diagnosticado com a doença, muitas dúvidas surgiram sobre ela. A monilíase oral, uma espécie de fungo, pode usar corticoide para tratar problemas de pulmão causados pela covid-19 e pelo uso de vape, cigarro eletrônico.

De acordo com infectologistas especialistas, a doença do cantor é causada por um fungo chamado de Candida albicans, que é oportunista. Isso porque ele se aproveita de uma situação de queda de imunidade, para se instalar. Portanto, uma pessoa que está sem nenhum tipo de anomalia pode até ter a presença do fungo, mas ele não se manifesta. Porém, para quem tem problemas crônicos de imunidade, ou está fazendo tratamentos que afetam o sistema imune, como a quimioterapia, é mais comum aparecer.

candidíase oral
Imagem: Zé Neto / Reprodução Instagram Oficial da Dupla.

Para combater a candidíase oral, inflamação causada pelo vape, o cantor está usando medicamento corticoide, e, de acordo com especialistas no assunto, em sua forma inalatória. Isso faz com que a imunidade local, ou seja, da boca, seja prejudicada, e explica o surgimento dos sinais do fungo. Pacientes com asma brônquica e bronquite, por exemplo, que utilizam a mesma forma de remédio também costumam ter o problema.

Sintomas da candidíase oral

Os principais sintomas da inflamação da garganta são:

  • Placas brancas na boca, língua e céu da boca;
  • Dor e incômodo no local;
  • Dificuldade para mastigar e engolir.

Como é o tratamento realizado pelo cantor?

Zé Neto cancelou shows devido à candidíase oral, provavelmente por sentir dor na boca. Afinal cantar exige o trabalho de muitos músculos locais e também pela aparência causada pelo quadro.

O problema é tratado com bochechos com medicações antifúngicas ou ingerindo drogas antifúngicas orais, que devem ser prescritas por um especialista. Entretanto, a candidíase oral não costuma ser grave, somente em casos extremos de supressão imune, como em pacientes com Aids. Para esses pacientes, o fungo pode descer para o esôfago e causar complicações, mas são casos muito raros.

Por que o vape causa problemas?

De acordo com especialistas no assunto, o vape, um tipo de cigarro eletrônico, possui uma grande mistura de substâncias. Ele inclui uma considerável quantidade de nicotina, responsável por aumentar batimentos cardíaco, o risco de vasoconstrição, e com isso, de derrame e impotência. No pulmão, gera inflamação aguda, induzindo a alteração conhecida por ‘vidro fosco’.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, Inca, além da candidíase oral, o cigarro eletrônico pode causar o câncer na boca. Além de aumentar as chances de uma pessoa contrair diversos tipos de infecções pulmonares. Por isso, o aparelho não é seguro, podendo também causar dermatite e doenças cardiovasculares.

A Anvisa proibiu em 2009 a venda, importação e divulgação de propaganda do cigarro eletrônico, pois não há dados científicos que comprovem a segurança desse aparelho. Portanto, ele é considerado prejudicial à saúde, bem como o cigarro convencional.

Segundo a página oficial da dupla Zé Neto e Cristiano no Instagram, o cantor está em nova fase de tratamento e, por isso, precisa ficar de repouso.

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.