Calendário INSS 2022 está liberado! Acompanhe a programação dos benefícios

Segurados do INSS já podem conferir a data em que os depósitos serão feitos neste ano

0

Os mais de 36 milhões de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já podem checar a data de depósito dos benefícios ao longo de 2022 com o calendário INSS que trazemos para consulta.

Como de costume, é importante destacar que os depósitos seguirão a mesma sequência de anos anteriores.

De acordo com o INSS, do total de beneficiários, 24,1 milhões ganham o salário mínimo e 12,1 milhões recebem acima do piso nacional.

Calendário INSS 2022 está liberado! Acompanhe a programação dos benefícios
Calendário INSS 2022 está liberado! Acompanhe a programação dos benefícios – Foto: Reprodução

Como consultar?

Os depósitos obedecerão à mesma sequência aplicada até então, com um calendário para quem recebe um salário mínimo e outro para quem ganha mais.

Para cada categoria, as datas de pagamento serão determinadas pelo número final do cartão, para aqueles que foram concedidos recentemente. De acordo com o INSS, para aqueles que possuem o benefício há algum tempo, vale a data em que recebem habitualmente.

Vale destacar que cada benefício pago pelo INSS é composto de uma numeração única e segue um padrão de dez dígitos: Número do Benefício (NB): 999.999.999-9.

O número a ser observado é o penúltimo algarismo, sem considerar o último dígito verificador que aparece depois do traço.

Calendário INSS

A saber, para aqueles que recebem um salário mínimo, os depósitos referentes a janeiro serão feitos entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro.

Já os segurados com renda mensal acima do piso nacional terão os seus pagamentos creditados a partir de 1º de fevereiro. Confira:

Calendário INSS 2022
Calendário INSS 2022: Programação dos benefícios – Imagem: Divulgação INSS

Quem recebe pelo calendário INSS

O calendário de pagamentos divulgado pelo INSS para 2022 é destinado a todos os segurados que recebem algum dos seguintes benefícios:

  • Aposentadoria (seja ela por invalidez, idade, ou qualquer outra);
  • Auxílio-doença;
  • Auxílio-acidente;
  • Salário maternidade pago pelo INSS;
  • Salário Família pago pelo INSS;
  • Pensão por morte;
  • BPC/Loas.

Veja também: Ações do Ministério da Cidadania chegam a mais de 45 milhões de brasileiros em 2021

5/5 - (3 votes)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.