Bolsonaro é denunciado por ‘crimes contra a humanidade’

De acordo com a denúncia, Bolsonaro é o responsável pelo aumento do desmatamento na Amazônia, o que o grupo considera um ataque contra toda a humanidade

1

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi denunciado ao Tribunal Penal Internacional (TPI), em Haia, na Holanda, pela ONG austríaca AllRise, nesta terça-feira (12). De acordo com a denúncia, o chefe do Executivo cometeu “crimes contra a humanidade”. 

De acordo com a ONG, especializada em política ambiental, Bolsonaro é o responsável pelo aumento do desmatamento na Amazônia, o que o grupo considera um ataque contra toda a humanidade.

No documento, a TPI afirma que Bolsonaro impulsionou a destruição da floresta e dos organismos e indivíduos que protegem a Amazônia. Nesse sentido, informa a ONG, a expectativa é que o presidente do Brasil seja responsável pela morte de 180 mil mortes indiretas neste século.

Tudo isso, afirma a entidade, por conta do aumento das temperaturas globais, atualmente, a Amazônia emite mais gás carbônico do que é capaz de absorver.

“Na denúncia apresentamos provas que mostram como as ações de Bolsonaro têm uma conexão direta com as consequências negativas da mudança climática em todo o mundo”, explicou a TPI. 

Mais denúncias contra Bolsonaro

Além da denúncia da ONG, intitulada “o planeta contra Bolsonaro”, a expectava é que, muito em breve, chegue à Haia uma ação feita pela CPI da Covid-19. Todavia, antes da abertura de um processo que leve a uma possível condenação internacional do presidente, será necessária uma análise feita pelo TPI.

No começo deste ano, uma comissão de juristas propôs para a entidade uma ação em que acusa Bolsonaro de “ecocídio”, o que levaria a corte a considerar possíveis crimes contra o meio ambiente, como o crime contra a humanidade citado pela TPI. No entanto, o tribunal ainda não analisou o caso – a corte não tem obrigação de julgar todos os casos apresentados.

Leia também: Desmatamento: primeiro semestre teve maior área sob alerta em 6 anos na Amazônia

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

1 comentário
  1. Cleonice Diz

    Que absurdo. Esta faltando pessoas inteligentes no Brasil

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.