Atriz de ‘Verdades Secretas 2’ diz que sofreu transfobia de alguns atores na novela

Gabrielle Gambine fez o desabafo nas redes sociais após o caso de Linn da Quebrada no BBB 22

0

Gabrielle Gambine, atriz de ‘Verdades Secretas 2’, revelou em desabafo no Instagram,  que viralizou nesta sexta-feira (21), que foi alvo de transfobia por parte de alguns atores da novela. Na trama, a sobrinha de Roberta Close interpretou uma das modelos da agência Blanche Models.

BBB 22: Douglas Silva e Rodrigo vencem Super Prova do Líder e do Anjo

Ao mencionar o caso de Rodrigo no BBB 22, quando ele chamou Linn da Quebrada de ‘traveco’, Gabrielle desabafou sobre sua realidade com os fãs: “Quem assistiu a novela ‘Verdades secretas’ pôde ver que eu passo a novela toda lutando para existir, enquanto os gays estão lutando pelo direito de amar. Isso fica claro na novela. Sofri transfobia quase todo santo dia, não por parte da equipe, e, sim, por parte de atores que estavam gravando a novela comigo”.

“E esse mês, janeiro, mês da visibilidade trans, não vi nenhum desses atores falando da importância de dar visibilidade para trans e travestis”, finalizou a atriz, pontuando que ainda é chamada, erroneamente, no masculino por diversas pessoas: “Têm seis anos que eu tomo hormônio feminino e até hoje têm pessoas que me tratam no masculino, em trabalhos de moda e como atriz”.

Nenhum ator de ‘Verdades Secretas 2’ se pronunciou sobre as acusações.

 

Roberta Close teria brigado com a sobrinha por se sentir usada

Quem não tem uma briga em família, não é mesmo? No caso de Roberta Close, ela estaria se sentindo “usada” pela sobrinha trans, Gabrielle Gambine. De acordo com o site Extra, no ano passado, a modelo até rompeu relações com a jovem.

A gota d’água, segundo fontes, foi a ausência de Gabrielle no enterro e também na Missa de Sétimo Dia do avô, Roberto Gambine, aos 90 anos de idade. Para Roberta, a sobrinha apenas quis se aproximar dela para alavancar sua carreira, já que hoje está na novela ‘Verdades Secretas 2’.

“Ela está se sentindo usada por ter seu nome sempre relacionado ao de Gabrielle, e pensou até em abrir um processo. Elas nunca foram próximas, nunca foram de conversar muito. Quando Roberta esteve no Brasil em agosto, ela não queria encontrá-la. Hoje, ela foge de qualquer exposição, e para aparecer ao lado de alguém ela tem que confiar e gostar muito”, afirma uma fonte próxima à Close.

 

Veja também: Band planeja investir em novelas com Faustão como sócio, afirma colunista

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.