Atlético Mineiro pega o Cerro Porteño em jogo que pode valer a liderança do grupo H

Galo tem 4 pontos e leva vantagem sobre o adversário no saldo de gols

0

O Atlético Mineiro faz duelo direto pela liderança do grupo H contra o Cerro Porteño, do Paraguai, nesta terça-feira (4), a partir das 19h15.

A partida será disputada no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e válida pela terceira rodada.

Nas duas primeiras, o Galo somou um empate e uma vitória, mas em convencer dentro de campo. O adversário de logo mais tem a mesma pontuação.

Na última terça, o time comandado pelo técnico Cuca, também em casa, fez 2 a 1 no América de Cali, da Colômbia, em jogo que estava fácil mas que quase complicou na reta final.

E, no sábado, o time venceu o Tombense por 3 a 0, como visitante no estádio Independência, pela partida de ida da semifinal do Campeonato Mineiro.

O que animou o torcedor atleticano foi a boa atuação do atacante Hulk, que marcou dois gols e teve boa movimentação na partida que encaminhou a classificação do time para a decisão.

O meia Tchê Tchê, que errou a jogada que originou o gol do América de Cali na semana passada, admite que ainda não está bem, mas promete dar a volta por cima.

Não está sendo um início muito fácil para mim, admito. Não tenho problema nenhum em falar sobre isso”, disse.

“Foi até bom eu vir aqui nesta coletiva, porque às vezes as pessoas podem achar que ‘errou e ninguém fala nada’ ou ‘errou e está tudo bem’”, afirmou o atleta.

“Eu me cobro muito. Pode ter certeza que vou procurar não errar nada daqui para frente. Erros vão acontecer, mas é tentar minimizá-los o máximo que puder”, finalizou.

Os times

No jogo de logo mais, Cuca deverá ter a seguinte formação titular: Everson; Mariano, Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan (Hyoran), Tchê Tchê e Nacho Fernández; Savarino, Keno e Hulk

Além disso, poderá contar com Diego Tardelli no banco de reservas, depois de se recuperar de lesão muscular.

O Cerro, do técnico Francisco Arce, deve jogar com Jean; Espínola, Alexis Duarte, Patiño e Arzamendia; Lucena, Villasanti, Aquino e Enzo Giménez; Federico Carrizo e Boselli

Leia também: Sevilla perde em casa para o Athletic Bilbao e fica mais longe do título espanhol

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.