Apostadores ‘esquecem’ R$ 491 milhões em prêmios da Caixa

Valor se refere aos meses de janeiro e setembro de 2021 e supera montante total não resgatado em 2020 (R$ 311,9 milhões)

0

Ganhar na loteria é o sonho de milhões de brasileiros que desejam viver sem preocupações financeiras. Por isso mesmo, milhares de pessoas lotam filas em loterias diariamente para fazer a esperada aposta que mude as suas vidas. É até difícil de acreditar, mas muita gente não retira os prêmios conquistados na Caixa Econômica.

A saber, o montante chegou a R$ 491milhões entre janeiro e setembro de 2021. Isso mostra o quão comuns são esses casos de “esquecimento” ou de apostadores que não se importam em resgatar os valores dos prêmios.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, o valor já supera o montante “esquecido” em 2020 (R$ 311,9 milhões). E isso ocorreu devido ao valor registrado em abril, que teve R$ 272,6 milhões não retirados.

Em suma, o segundo ganhador da Mega da Virada não apareceu para resgatar o prêmio. Por isso, R$ 162,6 milhões voltaram para a Caixa em abril, quando o prazo para a retirada chegou ao fim. Aliás, esse valor seguiu integralmente para o Fundo de Financiamento do Ensino Superior (Fies), do Ministério da Educação, segundo a Caixa. Inclusive, esse é o destino final dos prêmios esquecidos.

Vale destacar que o valor se refere ao prêmios de todas as loterias administradas pela instituição, como Mega-Sena, Lotofácil, Lotomania, Dupla-Sena e Quina. Já em relação ao prazo de retirada, os ganhadores têm até 90 dias para realizarem os resgates. Por isso, os prêmios dos concursos sorteados a partir de outubro ainda podem ser resgatados.

Valor ‘esquecido’ segue para o Fies

Em suma, os prêmios não resgatados vão de maneira integral ao Fies. Segundo a Caixa, todas as modalidades de aposta seguem esta regra e, na maioria das vezes, o montante alcançado no final de cada ano vem de pequenos valores somados. Vale ressaltar que o Fies é o programa federal de financiamento para estudantes cursarem o ensino superior em instituições privadas.

Segundo a Caixa, os prazos e formas de recebimento dos valores dos prêmios são informados “constantemente”. Isso acontece por meio de cartazes nas loterias e no site da Caixa, por exemplo.

Por fim, a instituição também repassa arrecadações geradas pelas apostas para áreas como Cultura, Educação, Esportes, Saúde, Segurança, Seguridade, entre outras.

Leia Mais: Farmácias batem novo recorde de venda de testes de Covid-19 no país

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.