Zeca Pagodinho será tema de enredo da Grande Rio no Carnaval 2023

O cantor, por sua vez, já deixou um pedido: cerveja grátis para todos!

0

Zeca Pagodinho será tema de enredo da escola de samba Grande Rio no Carnaval 2023! Gabriel Haddad e Leonardo Bora, que estão à frente do Carnavalesco, revelaram em entrevista ao site G1, na última quinta-feira (5), que sempre quiseram homenagear o artista.

Anitta explica amizade com Nego do Borel após polêmicas: “Nunca abandonei”

“Apresentamos o enredo à escola, e que foi visto com bons olhos também por ele (Zeca). Era uma ideia nossa. Zeca é uma das unanimidades no mundo do samba”, afirmou Haddad, relembrando a importância do cantor para a música brasileira: “A gente quer mostrar esse lado carioca, o subúrbio carioca, a força de Xerém, que tem tudo a ver também com Duque de Caxias. Para agradecer e festejar o título, nada melhor do que falar de samba e Zeca Pagodinho”.

Em postagem nas redes sociais, a Grande Rio revelou que abordará a malandragem, a carioquice e a irreverência para dar um grande espetáculo. Em vídeo, Zeca agradeceu pela honra: “Então! Obrigado, Grande Rio, por essa homenagem maravilhosa! Está todo mundo em polvorosa! Legal a Grande Rio homenagear um portelense, um cidadão caxiense, um cidadão de Xerém. Está tudo dentro do contexto! Valeu, obrigado Grande Rio”.

Zeca Pagodinho, em entrevista ao site Folha de São Paulo, fez apenas uma exigência: cerveja grátis para a plateia, “Não seria demais?”, indaga ele. Seria mesmo! A Grande Rio, vale lembrar, foi a grande campeã do Carnaval 2022 com o enredo sobre Exu.

Zeca não quer que Bolsonaro seja eleito novamente

Zeca Pagodinho revelou em entrevista à colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, em abril deste ano, que cogita em deixar o Brasil caso Bolsonaro seja reeleito este ano. Por enquanto, as pesquisas preliminares apontam Lula como o grande rival do atual presidente nas eleições 2022.

“O povo precisa se manifestar, mesmo através da música, porque caso contrário o Brasil vai continuar assim, do jeito que está. Não quero ir embora daqui, mas do jeito que está eu penso em ir”, garantiu o músico, que afirmou não ter conhecimento da rixa no sambódromo do Anhembi, em São Paulo, onde as pessoas do camarote ofendiam Lula e na arquibancada gritavam ‘Fora Bolsonaro’.

Para o intérprete de ‘Deixa a Vida Me Levar’, em entrevista ao site Uol, a solução é a união pela música: “O samba é a solução para o momento difícil atual. O samba, a MPB, a bossa nova. A música é o remédio”.

 

Veja também: Power Couple: Matheus planeja provocar Dinei e promete treta

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.