William Bonner se afasta do ‘Jornal Nacional’ por problema na voz

O jornalista ficará afastado apenas durante esta semana

0

William Bonner esclareceu pelo stories do Instagram, nesta quinta-feira (12), por que está afastado do ‘Jornal Nacional’. O jornalista está desde o dia 6 de maio sendo substituído por Hélter Duarte, mas segue como editor-chefe do telejornal nos bastidores.

Dado Dolabella é detido por posse de drogas em Goiás e denuncia agressão

“Tenho trabalhado só na edição do JN, nesta semana. A voz anda ruim. Ontem, foi mais doloroso estar assim, sem condições de apresentar”, lamentou o âncora. No caso, Bonner queria ter comandado o jornal para anunciar o falecimento de Alberico de Souza Cruz, que foi diretor na emissora: “Queria ter podido dar à família e aos tantos amigos do Alberico o ar sincero de meu respeito, minha consideração e minha gratidão. Foi um chefe importante. Foi quem me fez co-chefiar um telejornal pela primeira vez, há exatos 29 anos”.

“Na última vez em que o vi, no aniversário de uma das filhas, motivadoras de orgulho justo e público, vi Alberico subir degraus que me haviam alterado a respiração, a frequência cardíaca, a autoestima. Com mais de dois anos de batalha contra a doença, ele subiu os mesmos degraus com uma bengala na mão direita, os olhos brilhando. E chegou com aquele sorriso dos vitoriosos. Não estava nem aí pros degraus. Tinha vitórias mais importantes e perenes de que se orgulhar”, finalizou.

William Bonner
Reprodução/Instagram

 Bonner não quer mediar debate presidencial este ano, diz jornal

William Bonner não quer participar da mediação do debate presidencial de 2022. De acordo com o site Na Telinha, em março deste ano, o jornalista já teria deixado claro à alta cúpula da TV Globo que sua decisão é com base no medo da perseguição que vem sofrendo, em especial por ficar contra o atual presidente Jair Bolsonaro.

Assim, a emissora procuraria um plano B e, nos bastidores, existe uma corrida para substituí-lo, afinal Bonner deixou claro que pretende se aposentar em breve. Tudo ainda é tratado de forma muito sigilosa porque a família Marinho e Ali Kamel querem fazê-lo mudar de ideia, à todo custo, mas Bonner estaria irredutível.

Por enquanto, três nomes estariam cotados para ficar no lugar do âncora do ‘Jornal Nacional’: Renata Vasconcellos, César Tralli e Andréia Sadi. Procurada, a TV Globo negou qualquer plano B e garantiu que Bonner estará à frente dos debates políticos na emissora.

 

Veja também: Flávio Canto sobre affair com Grazi Massafera: “Foi nota 10”

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.