Vitão diz que trocou maconha por livros: “Super difícil”

Aos 22 anos de idade, ele também diz que está redescobrindo sua sexualidade

0

Vitão revelou, em entrevista ao site Folha de S.Paulo, nesta última quinta-feira (12), que fez algumas escolhas difíceis em sua vida. Ao falar sobre o uso de drogas recreativas, ele admitiu que já consumiu maconha, mas agora faz a escolha consciente de trocá-la por livros.

Dado Dolabella abre o jogo após ser detido por posse de drogas: “Manipulação”

“Troquei a maconha diária pela leitura diária, isso já mexeu com a minha cabeça de uma forma bizarra. Foi algo super difícil, mas estou conseguindo fazer isso”, garante o artista. Vitão prioriza ler biografias de músicos como do Slash, do Guns N’ Roses, e Angus Young, do AC/DC: “Como artista, eu me espelho na vida dessas pessoas e posso aprender com os erros, virtudes e conquistas… Quantos artistas não morreram supercedo por causa dos maus hábitos?”.

Atualmente finalizando de ler a biografia de Raul Seixas, Vitão diz que está focado em ser o melhor que pode ser como músico: “Quero esbagaçar o Brasil de música, tacar música por todos os lados até que ninguém consiga falar um ‘a’ de mim”.

Vitão diz que está redescobrindo sua sexualidade

Vitão revelou em entrevista ao site GQ, que viralizou nesta última sexta-feira (6), que está se redescobrindo e, consequentemente, redescobrindo a sua sexualidade. Aos 22 anos de idade, o músico passou a usar maquiagem e roupas mais ousadas, ou seja, não tão heteronormativas.

Essas decisões, inclusive, teriam afetado seu relacionamento com a mãe, Sandra Carvalho: “Eu ainda tenho muitos debates com ela. Eu estava me amando, me curtindo demais e minha mãe começou a me mandar umas mensagens dizendo: ‘Filho você é tão bonito para isso’. Foi algo que me deixou super triste”.

“Cabelo, roupa, maquiagem, não tem nada a ver com sexualidade. Eu mesmo estou em um momento de não saber o que eu sou”, frisa o músico, que já namorou beldades como Luísa Sonza, Giulia Buscaccio e até ficou com Anitta. Hoje em dia, ele afirmou que está questionando ser hétero: “Não sei exatamente onde me encaixo. Até então sempre me vi como um homem hétero, sempre gostei de mulheres, mas cada vez mais entendo que talvez sexo seja mais do que apenas isso. Tenho me entendido de outras formas, me relacionado com pessoas diferentes e é muito disso”.

 

Veja também: Internado, Marcos Breda fala sobre acidente de moto: “Cheio de gratidão”

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.