Vídeo mostra lutador dando soco em ex-mulher e em atual parceiro da vítima

O vídeo mostra o lutador Fernando Henrique, de 44 anos, agredindo sua ex-mulher, o atual namorado dela e um outro homem que tentou defender o casal

3

Um vídeo gravado no último dia 10, mas revelado apenas na noite de ontem, segunda-feira (25), mostra o lutador Fernando Henrique Cardoso da Silva, de 44 anos, agredindo com um soco sua ex-mulher, a vendedora Milana Mirelly Silva, de 25 anos.

Leia também: Mãe chantageia pai enviando vídeo de bebê amarrada; Veja o vídeo

O caso aconteceu na cidade de Morrinhos (GO). Nas imagens, o lutador se aproxima da mesa em que a jovem está, conversa com ela e, em seguida, começa a dar socos no namorado dela. Depois, ele dá um soco no rosto da vendedora e em um homem que tenta segurá-lo.

Lutador não aceita o fim do relacionamento

Em depoimento, Milana revelou que Fernando é lutador de muay thai e a agrediu por não aceitar o fim do relacionamento, que durou cerca de seis anos.

Em entrevista ao portal “G1”, a vítima relatou que o ex-marido sempre foi muito ciumento e já a agrediu outras vezes. “Terminei com ele justamente porque eu não aguentava mais apanhar”, disse Milana.

Após a agressão, a jovem foi ao hospital e uma tomografia apontou que ela teve um traumatismo facial. No dia seguinte, a vítima procurou a Delegacia de Polícia de Morrinhos e registrou um boletim de ocorrência contra o ex-marido.

Separada há um ano e quatro meses, Milana relatou que já estava bem e estabilizada. No entanto, após o caso, voltou a viver o que viveu anteriormente. “Não denunciei antes por medo, porque conheço ele. Mas agora não dá mais. Até meu emprego eu perdi, não posso perder minha vida”, disse.

Conforme a Polícia Civil, em depoimento à polícia, o lutador chegou a negar as agressões e afirmou que não sabia como a vendedora se machucou. Todavia, após a investigação do caso, Fernando Henrique foi indiciado no último dia 15 pelos crimes de injúria, ameaça e lesão corporal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.