Vendedor do Carrefour é humilhado por gerente enquanto limpa chão de joelhos em MS

Na gravação, é possível ver a vítima de joelhos, esfregando o chão com um pano e a gerente aparentemente gravando e falando com alguém

0

Um vídeo que viralizou pelas redes sociais nesta segunda-feira (25) mostra o momento em que um vendedor do hipermercado Carrefour é humilhado pela sua gerente enquanto limpa o chão do estabelecimento de joelhos em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Funcionário do Carrefour é encontrado dentro de elevador da empresa após 36 horas

De acordo com as informações, o vídeo apesar de ter vindo à tona agora, foi gravado no final de setembro por uma cliente que presenciou a cena e ficou indignada com a humilhação sofrida pelo jovem Pedro Henrique Monteiro da Silva, de 23 anos.

Na gravação, é possível ver a vítima de joelhos, esfregando o chão com um pano e a gerente, aparentemente gravando o colaborador, dizendo para alguém: “olha aí, só pra você esse cara tem valor. Esses meninos, eles não limpam a casa deles”.

Em entrevista ao portal “G1”, Pedro Henrique disse que tudo aconteceu porque a gerente queria que ele limpasse uma área em que havia uma fita usada para que o distanciamento social para evitar a disseminação da Covid-19 fosse respeitado.

“Eu tinha terminado de fazer minhas tarefas, e ela [a gerente] pediu para eu dar uma mão para um colega. Eu falei que tudo bem. Limpei os fogões, limpei geladeira, fiz minha parte. Depois, eu estava limpando lá, ela viu uma fita no chão, eu acho que é aquela de demarcação de distanciamento da Covid, ficou aquela cola preta. Ela falou: a gente tem que tirar isso”, começou.

Segundo ele, depois da ordem da mulher, ele acionou a equipe de limpeza, que tentou retirar a cola, mas também não conseguiu, pois, segundo Pedro Henrique, seria necessário usar uma máquina para a tarefa. “Eu falei para ela que não tinha como a equipe limpar, porque a máquina não estava na loja. Ela falou que eu tinha que fazer e já começou a ficar nervosa”, disse o funcionário.

Na gravação, é possível ver a vítima de joelhos, esfregando o chão com um pano e a gerente aparentemente gravando e falando com alguém.
Na gravação, é possível ver a vítima de joelhos, esfregando o chão com um pano e a gerente aparentemente gravando e falando com alguém. (Foto: reprodução)

Gerente costuma ser assim

De acordo com o vendedor do Carrefour, a gerente costuma agir daquela maneira, mas ele não a denunciou porque não queria perder seu emprego.  “Já é costume ela ser assim, desde que chegou. Mas eu não queria mídia, não queria manchar o nome da empresa. Eu tinha outros gerentes muito bons. Eles me deram uma oportunidade, eu quero crescer. Tenho medo de ser demitido”, explicou o vendedor.

Por fim, ele revela que, depois do acontecido, passou a sofrer gozações dos colegas de trabalho e chegou a pedir afastamento médico por conta dos episódios.  “Meus colegas de trabalho ficam de brincadeira comigo, fizeram até ‘meme’. Poucos ficaram do meu lado. Eu não sou de ficar me ‘vitimizando’, mas acho que merecia pelo menos um pedido de desculpas”, desabafou.

Por fim, em nota, o Carrefour, além de anunciar o afastamento da gerente, afirmou que repudia todo e qualquer comportamento indevido por parte de seus colaboradores. “Estamos apurando o caso internamente e, por ora, houve o afastamento da profissional envolvida”, informou a empresa.

Leia também: ‘Ao amigo ladrão’: empresário instala outdoor pedindo fim dos roubos na empresa

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.