Três quartos das pessoas ainda não procuraram o reembolso do DPVAT

Milhões de motoristas e motociclistas que possuem direito de receber o dinheiro ainda não procuraram a seguradora do DPVAT

0

Quase quatro milhões de motoristas e motociclistas do Brasil possuem direito de receber o reembolso do pagamento do DPVAT. Trata-se portanto daquele imposto obrigatório para veículos. Mas apenas 25% dessas pessoas receberam esse dinheiro.

Acontece que cerca de três milhões de pessoas que possuem o direito ainda não procuraram o DPVAT para pedir a devolução. De acordo com especialistas, a grande maioria dessas pessoas nem sabe que tem esse direito.

Essa confusão está acontecendo neste ano por causa de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Na prática, aconteceu um reajuste nesses valores. Para os carros, o valor passou de R$16,20 para R$5,23. Já para as motocicletas o valor passou de R$84, 58 para R$12,30.

Mas esse reajuste aconteceu só no último mês de abril. Assim, quem pagou esses valores antes do reajuste, vai poder pegar a diferença de volta. Para os motociclistas esse valor é muito maior, e o dinheiro pode fazer muita diferença agora.

Muita gente não sabe como fazer esse pedido. Mas o fato é que é tudo muito simples. Basta entrar no site oficial do DPVAT e realizar o cadastro pela internet. Por lá basta informar o CPF, o número do RENAVAM e os dados da conta bancária. Em média, o dinheiro cai na conta em, no máximo, três dias úteis.

DPVAT

É preciso tomar cuidado com todos esses cadastros. De acordo com os especialistas, a ideia é só depositar seus dados pessoais em sites oficiais. Dessa forma, é melhor ficar atento a qualquer link suspeito que aparece pelas redes sociais.

Quem fez o pagamento do DPVAT depois da decisão do STF não vai ter nenhum tipo de reembolso. Isso porque eles já pagaram o valor do imposto com o reajuste para baixo. Para mais informações, é preciso acessar o site oficial da seguradora.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.