Técnico do Grêmio vê nova esperança para fugir do rebaixamento após vitória em casa

Ainda assim a situação é muito complicada, pois segue em antepenúltimo lugar, com 39 pontos, três atrás do Athletico Paranaense, primeiro time fora da zona de degola

0

A vitória por 3 a 0 sobre o São Paulo, em casa, na noite de quinta-feira (2) deu uma sobrevida ao Grêmio na luta contra o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro.

Ainda assim a situação é muito complicada, pois segue em antepenúltimo lugar, com 39 pontos, três atrás do Athletico Paranaense, primeiro time fora da zona de degola.

Contudo, o Furacão ainda tem mais três partidas pela frente, enquanto o Grêmio só tem mais dois jogos.

O primeiro é domingo (5), fora de casa, em uma pedreira contra o Corinthians, em São Paulo. Depois, encara o campeão Atlético Mineiro em casa, na última rodada.

No entanto, o técnico Vágner Mancini exaltou a postura do time e lembra que as chances se manter na elite ainda existem. Até pela boa atuação frente ao Tricolor.

“Não tenha dúvida que estamos todos confiantes. Nunca deixamos de acreditar, mesmo nos momentos mais difíceis”, disse Mancini na entrevista coletiva.

Segundo o treinador da equipe gaúcha, o time soube responder depois da derrota para o Bahia fora de casa, mesmo abalada emocionalmente.

“Quando viemos de Salvador para cá, a gente sentiu realmente a derrota. Mas tivemos alguns dias a mais de treinamento. O foco foi exatamente a parte de organização tática para que a gente pudesse enfrentar esses jogos melhor”, disse.

“A equipe esteve bem mais equilibrada e organizada em campo. Se lá contra o Bahia a equipe não foi coletivamente o que todos aguardávamos, hoje ela foi. Mas o Grêmio sobrou em vários aspectos”, afirmou Mancini.

Expectativa

Agora, contra o Corinthians, um time que está no G-4 do Brasileirão, o Grêmio tem uma verdadeira ‘final’. Uma derrota pode rebaixar o clube matematicamente.

“Espero que a atitude seja a mesma, que o querer fazer seja ainda maior. Acho que dá para a gente seguir acreditando, sempre com os pés no chão”, afirmou Mancini.

Depois, falou das dificuldades que já sabia que teria pela frente. “Quando aceitei o desafio, sabia de todas as possibilidades. O Grêmio hoje precisa de uma vitória no domingo, jogo difícil, adversário qualificado, mas vamos em busca”, disse o treinador do time gaúcho.

Leia também: ‘Faltou mobilização’, diz Ceni após derrota do São Paulo para o Grêmio

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.