Técnico do Everton, Ancelotti nega saída de estrelas do clube

0

O técnico do Everton, Carlo Ancelotti, insistiu que não precisará vender nenhum de seus craques neste verão europeu.

Os Toffees viram Lucas Digne, Mason Holgate e Richarlison todos ligados a transferências nas últimas semanas. Preocupando os torcedores do Everton.

Digne pode ser uma alternativa para o Chelsea, que busca um novo lateral esquerdo com Ben Chilwell atualmente no topo de sua lista de desejos.

O impressionante jovem zagueiro Holgate está sendo ligado a uma mudança para o Manchester City enquanto os ex-campeões da Premier League reconstroem sua equipe.

Enquanto isso, Richarlison já havia interessado o Barcelona, ​​enquanto o Manchester United o queria em janeiro.

Mas, quando perguntado se ele achava que algum de seus melhores jogadores poderia estar saindo, Ancelotti disse: ‘De jeito nenhum. Neste momento, existem muitos rumores. Lucas Digne é um jogador importante para nós, então não há como ele ou qualquer outra pessoa poder sair.”

Enquanto isso, o Everton tem sido um dos clubes vinculados a Pierre-Emile Hojbjerg, mas o treinador italiano não estava disposto a comentar a situação. “Conheço Hojbjerg, ele é um bom jogador”, disse Ancelotti. “Ele está jogando pelo Southampton, então não quero falar sobre outro jogador da Premier League e contra o qual jogaremos em breve. Posso dar uma opinião sobre ele no final da temporada.”

Mina de saída do Everton

A marra de Mina Foto Twitter Everton
A marra de Mina Foto Twitter Everton

Por outro lado, quem está de saída do Everton é o zagueiro colombiano Yerri Mina. Há duas temporadas no clube o ex-jogador do Palmeiras não se firmou na Premier League. Agora o Valencia pretende a contratação do atleta.

Com isso, os azuis de Liverpool pretendem recuperar parte do dinheiro investido para tirar Mina do Barcelona. No clube catalão o colombiano teve passagem mais do que esquecível, participando de apenas seis partidas pelo clube.

Acima de tudo ficou marcado por uma péssima atuação diante do Levante que impediu o título invicto do Barça no Campeonato Espanhol em 2017/2018.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.