Sites para comprar livros: quais os melhores?

0

Os preços das obras estão aumentando e o governo está impondo cada vez mais impostos. Para superar a situação, os leitores estão em uma busca constante dos melhores sites para comprar livros, sejam eles novos ou usados.

Com o acesso constante à internet e maior concorrência, muitas lojas passaram a vender com o valor ainda mais competitivo e sustentável. Portanto, foi pensando nisso que o Brasil 123 separou algumas dicas de varejistas ou sebos para te ajudar a economizar. Continue a leitura para saber mais sobre!

 1. Estante Virtual

Estante Virtual é um dos melhores sebos online em que é possível encontrar inúmeros livros por menos de R$ 5. Para quem busca obras clássicas ou raras, também é uma ótima opção. Em agosto de 2019 foram mais de  19,3 milhões de livros novos ou usados. Ainda afirmam  que promovem descontos superiores à 50% em relação a outras livrarias tradicionais.  Em março do mesmo ano, estavam entre os 300 mais acessados.

Criada em  2005 e vendida para a livraria Cultura em 2017, registrou o número com mais de 10 mil obras adicionadas diariamente e mais de 23,8 milhões de livros  desde que foi fundada.

2. Amazon

Apesar da Amazon vender eletrodomésticos e eletrônicos, cresceu no mercado exclusivamente pela venda de livros. Os maiores sites da América Latina como o Análise Loja fornecem descontos diariamente em parceria com o varejista, o que deixa a compra ainda mais viável.

Atualmente, são considerados um dos grandes centros tecnológicos e já causam o efeito na economia. Muitas livrarias estão fechando por não conseguirem competir: os descontos são maiores que 70% em relação aos preços tradicionais. Como exemplo, pode-se citar a Saraiva que teve que vender inúmeras lojas porque não tinham mais vendas.

Todos os leitores migraram para essa plataforma e os benefícios são vários, especialmente o frete grátis através do Prime.  O Amazon Prime custa R$ 9,90 por mês e possibilita benefícios como: músicas ilimitadas, séries e filmes exclusivos, frete grátis, descontos especiais e muito mais. O custo benefício é superior aos demais serviços. Com esse valor, seria possível apenas pagar o frete de uma livraria tradicional e, com eles, se consegue ter acesso a plataformas exclusivas e de alto padrão.

3. Americanas

A varejista foi fundada no ano de 1929, durante a crise e quebra da bolsa que abalou todo o mundo. É sinônimo de resistência e superação que cresce anualmente e ganha cada vez mais espaço.

A primeira loja foi fundada no Rio de Janeiro. Viram ali uma oportunidade: boa parte das lojas cobravam altos preços sendo que os salários dos militares eram pequenos para isso. Faziam descontos através do slogan “Nada além de 2 mil réis”. Já no primeiro ano, tinham cerca de 4 lojas espalhadas e os lucros eram enormes.

A partir de 2003, os programas se expandiram ainda mais e ganharam mais espaço. Foi então que surgiram novas lojas em número considerável.

4. Livraria Cultura

São mais de 18 lojas espalhadas pelo Brasil e que fornecem descontos através do Análise Loja. Boa parte dos varejistas e livrarias possuem parcerias com o Análise, fornecendo descontos ilimitados e imperdíveis.

É possível pagar pelo frete ou retirar na loja se estiver em sua cidade. A sede é no centro de São Paulo e foi fundada em 1947, pouco tempo após a Segunda Grande Guerra. No ano de 2019 tiveram um pedido judicial para negociar a dívida de 285 milhões de reais, foi um tempo de altos e baixos que promete renovação. Apesar disso, continuam fazendo parte dos melhores sites para comprar livros.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.