Seleção Brasileira aplica 5 a 1 na Coreia do Sul

Neymar marca duas vezes de pênalti para o Brasil.

0

Na manhã desta quinta-feira (02) para nós aqui do Brasil, a Seleção Brasileira entrou em campo no leste asiático. Diante da Seleção da Coreia do Sul, que pode ser adversária do Brasil nas oitavas de final da Copa do Mundo, os comandados de Tite não tiveram dificuldades para golear por 5 a 1. Isto é, foi uma goleada sem uma atuação espetacular, mas bem consistente.

Com o primeiro tempo bem irregular, o Brasil saiu na frente com um gol de Richarlison, que está cada vez mais consolidado no grupo de jogadores. Com Vinícius Júnior no banco por conta do desgaste, o Brasil entrou com o “Pombo” fazendo mesmo a função de camisa 9, com Raphinha aberto pela ponta direita.

No entanto, após um erro de marcação de Thiago Silva, a Coreia chegou ao empate com o gol marcado por Ui-jo Hwang. Ainda no primeiro tempo, Alex Sandro foi derrubado dentro da área e o árbitro japonês Ryuji Sato foi chamado no VAR para conferir. Com a penalidade assinalada, Neymar não desperdiçou e recolocou a Seleção Brasileira em vantagem.

Seleção
Gabriel Jesus voltou a marcar pelo Brasil após 19 jogos. Foto: Lucas Figueiredo.

Seleção Brasileira cresce no segundo tempo da partida

Com a vitória no placar, a Seleção chegou ao terceiro gol da mesma forma que chegou ao segundo. Novo pênalti em Alex Sandro, nova revisão do VAR e nova cobrança de Neymar. Com os dois gols anotados, Neymar se aproximou de Pelé e tem impressionantes 73 gols marcados com a camisa da Seleção. O astro do PSG está a quatro gols de Pelé, que tem 77.

Para finalizar a goleada, Philippe Coutinho e Gabriel Jesus também deixaram suas marcas. Aliás, foram dois belos gols dos jogadores que atuam na Premier League, carimbando ainda mais a vaga deles no Catar. Dito isso, a Seleção Brasileira chegará ao Catar como grande favorita, ainda mais pelo elenco de atletas que tem.

Por fim, o Brasil volta a campo para enfrentar o Japão ainda nessa ‘data Fifa’. Vale lembrar que esses dois jogos são os primeiros da Seleção Brasileira contra equipes de fora do nosso continente. Isto é, fundamentais para o conhecimento de outras escolas.

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.