Repórter da CNN está infiltrada em festa de Ano Novo de Neymar

As informações são do jornalista Léo Dias

1

Uma repórter da CNN Brasil está infiltrada na suposta festa de Neymar, de acordo com Léo Dias nesta terça-feira, dia 29.

Astrid Fontenelle e irmão de Luciano Huck detonam Neymar por festa de Ano Novo: “Mimado”

A festança, que começou no dia 26 e vai até o dia 1 de janeiro com mais de 500 convidados, é alvo da investigação da editora Mariana Vasques. 

A jornalista, que tem o Instagram fechado, apagou de sua biografia que trabalha na emissora, mas continua com perfil ativo no Linkedin.

A CNN Brasil segue com notícias exclusivas sobre a festa do jogador e isso é por causa de Mariana, amiga de Talitá Donega.

Foi por isso que ela conseguiu entrar na festa do atleta, que proibiu celulares no evento.

Saiba mais sobre a festa de Neymar

O atleta estaria fazendo uma festa em sua casa em Mangaratiba de cinco dias para 500 pessoas.

Vários famosos já estão no local e até postaram que estão fazendo testes para a Covid-19, embora sem falar sobre a festa.

Isso porque Neymar teria proibido o uso de celulares na festa e está mantendo tudo em sigilo por conta da pandemia.

A Fábrica, produtora da suposta festa de Neymar, admitiu em pronunciamento que armou uma festa para este final de ano em Mangaratiba, Rio de Janeiro:

A agência Fábrica esclarece que é a idealizadora e produtora de evento de réveillon na região da Costa Verde, no estado do Rio de Janeiro, que receberá aproximadamente 150 pessoas.

A festa, supostamente, terá shows de Kevinho, Ludmilla, Léo Santana Wesley Safadão.

Alexandre Pires, Bruninho e David, Jeito Moleque também estão com shows marcados nessa festança.

A prefeitura de Mangaratiba, no entanto, já se pronunciou e disse que não pode impedir a suposta festa de Neymar.

Isso porque eles não tem jurisprudência para controlar eventos privados, apenas os públicos.

A assessoria de Neymar segue negando a festa.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.