Recolhimento do FGTS pelo Pix fica para maio de 2021

Inicialmente o Governo afirmou que essa possibilidade de recolhimento pelo Pix ficaria disponível a partir de janeiro de 2021

0

Os brasileiros poderão usar o Pix para o recolhimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Até aí, não há bem uma novidade. Afinal de contas, o Governo já fez o anúncio dessa nova modalidade de recolhimento. O que muda é a data.

É que inicialmente o Ministério da Economia afirmou que esse recolhimento via Pix poderia acontecer já a partir de janeiro de 2021. Mas esqueça esse prazo. Por causa de algumas pendências, agora o sistema só vai funcionar a partir de maio.

Assim, os brasileiros terão que esperar um pouquinho mais para poder usar esse novo recurso. Até lá seguem valendo as regras e possibilidades atuais de recolhimento. Dessa forma, os trabalhadores não precisam se preocupar com tais mudanças.

Seja como for, quando a possibilidade chegar, o Governo espera que as empresas agradeçam. É que o recolhimento via Pix vai ajudar na diminuição das emissões das guias. E isso representa, em tese, uma grande economia para as empresas.

De acordo com os dados oficiais, só em 2019, os empregadores emitiram cerca de 70 milhões de guias nos 12 meses. Estamos falando portanto de um número muito alto. Com o Pix a tendência natural é que esse número caia.

FGTS via Pix

Enquanto maio de 2021 não chega, vale lembrar que 2020 foi um ano diferente para o Fundo de Garantia Por Tempo de Serviço (FGTS). É que o Governo colocou em prática a versão emergencial do projeto por causa da pandemia do novo coronavírus.

O Governo, aliás, fez a liberação automática desse dinheiro para os trabalhadores. Quem não queria, teve que avisar que não estava com interesse para os canais oficiais do Ministério. Milhares de pessoas receberam o dinheiro.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.