Quarentena para infectados por Covid-19 é reduzido para 5 dias na Inglaterra

0

De acordo com o Governo da Inglaterra, a partir desta quinta-feira, 13, o período mínimo de quarentena a ser cumprido por infectados por Covid-19 é de cinco dias. O prazo inicial de sete dias foi reduzido, mas será mantido apenas se a população cumprir a obrigatoriedade de monitoramento do quadro de infecção e realizar dois testes de diagnósticos da doença. 

 

Quarentena para infectados por Covid-19 é reduzido para 5 dias na Inglaterra
Quarentena para infectados por Covid-19 é reduzido para 5 dias na Inglaterra. (Imagem: Agência CMA)

 

Reforçando que ambos os testes devem apresentar um resultado negativo para Covid-19, segundo o secretário de Saúde, Sajid Javid. “Tomamos a decisão de reduzir o período mínimo de auto-isolamento para cinco dias inteiros na Inglaterra”, reforçou o representante da pasta ao parlamento.

A iniciativa tem o propósito de frear a escassez da mão de obra no país em meio ao surto da variante ômicron, cujo índice de transmissão tem se mostrado elevado. Nota-se que a decisão foi tomada em decorrência da pressão feita por empresários e demais setores econômicos amplamente afetados pela pandemia no país. 

Portanto, os ingleses que fizerem o teste para Covid-19 duas vezes após o prazo de cinco dias de infecção e testarem negativo, poderão deixar o isolamento já no início do sexto dia, ainda que os sintomas permaneçam. Enquanto isso, no Brasil, o Ministério da Saúde anunciou novas medidas restritivas e de quarentena voltadas a pacientes com Covid-19, mais precisamente aqueles entre o 5º e o 10º dia de infecção. O novo protocolo prevê as seguintes situações:

  • Isolamento por 5 dias: vale para pacientes sem sintomas respiratórios ou febre nas últimas 24 horas. É necessário fazer um teste negativo para sair do isolamento;
  • Isolamento de 7 dias: para sair no 7º dia, basta não ter mais sintomas. Não é preciso testar;
  • Se no 7º dia ainda tiver sintomas, o paciente pode fazer o teste e, se der negativo, sair do isolamento. Em caso de teste positivo, o isolamento continua até o 10º dia;
  • Após o 10º dia, se não houver mais sintomas, o paciente sai do isolamento sem necessidade de teste.

Em todas as circunstâncias, a liberação do paciente antes do 10º de quarentena requer que o mesmo evite o contato direto com terceiros. O mesmo vale para aglomerações e o reforço do uso de máscara facial de proteção e a higienização das mãos com álcool em gel. 

Nos demais países como nos Estados Unidos da América (EUA), o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) também atualizou as diretrizes de quarentena. O tempo recomendado para permanecer em isolamento aumentou de cinco para 10 dias, indo na contramão dos outros países. 

A ampliação do isolamento vem acompanhada do uso constante de máscara facial de proteção por mais cinco dias nas situações em que o paciente estiver em contato com outras pessoas. Quem estiver com febre e outros sintomas, ainda que amenos, devem permanecer isolados. 

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.