Projeto do Governo vai apoiar pesquisa de combate a Covid-19

O resultado final da chamada selecionou 90 projetos. Serão destinados cerca de 45 milhões de reais para as pesquisas selecionadas no projeto.

0

O governo federal está promovendo uma chamada pública para seleção de pesquisas para o enfrentamento da COVID-19. A chamada visa encontrar projetos que ajudem a combater suas consequências e outras síndromes respiratórias. Nesse sentido, os ministérios da Saúde e da Ciência, Tecnologia e Inovação estão à frente do projeto, em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Foram anunciados na última terça-feira, 7 de julho, os 90 projetos de pesquisa selecionados dentre as 2.219 propostas enviadas para análise. Como resultado, os estudos selecionados serão financiados a fim de obter mais informações sobre o histórico da doença, novos e mais eficientes métodos de diagnóstico, prevenção, tratamento e controle da disseminação da doença. Ao todo, serão disponibilizados 45,5 milhões de reais a esses financiamentos.

Acima de tudo, os temas que mais apareceram nas propostas do projeto foram prevenção e combate da Covid-19, atenção à saúde e história da doença.

O Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) será responsável pelo repasse da maior parte do investimento, no valor de 30 milhões de reais. Dessa forma, o valor restante será investido pelo próprio Ministério da Saúde.  As propostas selecionadas foram aquelas que tiveram maior aderência a uma possível aplicação ao Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, foram considerados os critérios de maior relevância do projeto e maior impacto positivo nas condições de saúde da população brasileira.

Motivação para o projeto

De acordo com Hélio Angotti Neto, secretário da Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, o governo tem atuado no fomento a pesquisa e no levantamento de soluções mundiais. Seu objetivo é combater a crise que se instalou após o início da pandemia do novo coronavírus. Dessa forma, as pesquisas ajudarão para que o SUS possa prosperar no combate a doença.  Como resultado, será possível fortalecer a ciência brasileira por meio do projeto, formar recursos humanos e produtos nacionais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.