PRF prende homem acusado de estuprar a própria filha na Paraíba

A PRF revelou que o crime teria ocorrido minutos antes da equipe policial abordar pai e filha, que estavam discutindo às margens da rodovia federal

0

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam, no começo da madrugada desta quinta-feira (07), um homem, de 46 anos, que é acusado de ter estuprado sua própria filha, uma jovem de 22.  De acordo com a PRF, a ocorrência foi registrada na BR 361, altura do Km 04, no município de Patos, que fica no sertão paraibano.

Em nota, a entidade revelou que o crime teria ocorrido minutos antes da equipe policial ter abordado pai e filha, que estavam discutindo às margens da rodovia federal. “Uma equipe da PRF realizava uma fiscalização na BR 361 quando visualizou um homem e uma mulher discutindo próximo ao Mercado Público”, informou a PRF.

Por conta da discussão aparente, os agentes decidiram abordar os dois a fim de averiguar o que estava acontecendo no local. Na ocasião, o homem informou aos agentes que era o pai da moça, relatando ainda que teria ido buscá-la em um bairro de Patos.

“No decorrer da abordagem, a mulher, que estava muito nervosa e chorava, fez sinais e pediu ajuda aos policiais sem que o pai percebesse”, detalhou a corporação, que informou que, rapidamente, a equipe policial afastou os dois para que a vítima pudesse ser ouvida em segurança.

“A mulher relatou que o pai teria praticado relações sexuais com ela, sem o seu consentimento, minutos antes da equipe chegar no local”, revelou a Polícia Rodoviária Federal que, por conta da denúncia, deteve o pai e o conduziu para a Delegacia de Polícia Judiciária de Patos para serem realizados os procedimentos cabíveis.

Por fim, a entidade ainda explica que a jovem foi amparada pela equipe de policiais da PRF e conduzida para a Delegacia de Polícia Civil para serem feitos os trâmites necessários para a formalização da denúncia.

Leia também: Menina desaparecida é encontrada sem roupas presa embaixo da cama de um homem

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.