Ponte Preta vence o Coritiba de virada na despedida da temporada na Série B

Esse confronto antecipado, que inicialmente seria no final de semana, não muda a sorte dos times dentro da competição

0

A Ponte Preta venceu o Coritiba por 3 a 2 de virada na noite desta sexta-feira (26), no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, na 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Esse confronto antecipado, que inicialmente seria no final de semana, não muda a sorte dos times dentro da competição.

Com o resultado, a Macaca, sob comando do técnico Gilson Kleina, termina o campeonato com 49 pontos, por enquanto em décimo lugar.

Durante toda a competição, o time paulista lutou contra o rebaixamento e conseguiu escapar apenas nas últimas rodadas.

Enquanto isso, o Coxa Branca, sob comando do técnico Gustavo Morínigo, já tinha conquistado o acesso, mas já não poderia mais alcançar o Botafogo, campeão antecipado. Logo, termina o campeonato com 64 pontos e pode ainda cair para terceiro.

Agora, os dois times entram em férias e começam a planejar a próxima temporada, quando vão disputar os Campeonatos Estaduais a partir de janeiro.

O jogo

A partida começou melhor para o Coritiba, que abriu o placar logo aos 2min, quando Wellington Carvalho aproveitou cobrança de escanteio e desviou de cabeça: 1 a 0.

A Ponte Preta estava desatenta no início do jogo e, aos 6min, Natanael quase marcou o segundo gol do Coxa, em finalização que passou por cima do travessão.

Nos minutos seguintes, a Macaca teve dificuldades para tentar buscar o gol de empate e o Coritiba tinha o controle da partida.

Apenas a partir dos 25min é que o time da casa começou a criar chances, levando perigo para o gol de Alex Muralha.

Porém, em contra-ataque, aos 34min, Igor Paixão arrancou e chutou na saída do goleiro Ivan, ampliando o placar: 2 a 0.

Antes do intervalo, Thalles ainda teve uma chance para a Ponte, que passou por cima do gol.

Segundo tempo

Na etapa final, a Ponte Preta voltou melhor e descontou logo aos 6min, com Josiel, em finalização que bateu no goleiro, na trave e entrou: 2 a 1.

Animada, a Macaca foi para cima e buscou o empate aos 11min, com Léo Naldi, que tocou no canto do gol: 2 a 2.

E, aos 35min, Pedrinho marcou o gol da virada da Ponte Preta, com um segundo tempo espetacular: 3 a 2.

Leia também: Acusado de envolvimento em morte de vendedora, ex-padrasto perseguia a jovem, diz polícia

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.