Polícia procura homem suspeito de importunação sexual

A importunação sexual foi gravada enquanto Maria Antônia, de 19 anos, estava na fila de uma lotérica

2

A Polícia Civil procura o homem flagrado tentando tirar fotos por debaixo da saia de uma jovem em Aracaju (SE). A importunação sexual foi gravada enquanto Maria Antônia, de 19 anos, estava na fila de uma lotérica, na manhã de ontem, terça-feira (22).

Leia também: Chega a 21 o número de mortos após enxurrada em Santa Catarina

Segundo as informações, a jovem prestou Boletim de Ocorrência e publicou as imagens em suas redes sociais pedindo ajuda para localizar o suspeito. Em entrevista ao portal “FanF1”, de Aracaju, a Maria revela que só foi perceber o ocorrido após um outro homem indagar o suspeito sobre o que ele estava fazendo.

“Eu nem percebi. Se o rapaz de preto não tivesse proferido xingamento, já tivesse olhado para trás, eu não ia saber o que aconteceu e esse criminoso iria ficar impune. Ninguém saberia quem era ele, a imagem dele não teria circulado tanto e ele faria isso com outras meninas”, disse a jovem.

Além disso, Maria contou que ficou muito chateada com a situação e chegou até chorar por conta do fato. ‘Nesse momento eu fiquei muito assustada. Quando eu entendi o que havia acontecido, eu chorei muito. Na minha cabeça, a situação era outra. Quando vi o vídeo, me senti muito mal […] Eu deixei a timidez de lado para pedir justiça. Nunca fui de me expor. Espero que a minha situação sirva de exemplo para outras pessoas”, explicou.

Polícia procura suspeito de tentar tirar foto de partes íntimas de jovem; veja o vídeo
“Nunca fui de me expor. Espero que a minha situação, sirva de exemplo para outras pessoas”, disse Maria. (Foto: reprodução/ Redes Sociais)

Polícia ainda procura o suspeito

De acordo com a delegada Mariana Diniz, do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV), o homem ainda não foi localizado e pessoas que tiverem notícias sobre ele podem denunciar ligando para o Disque-Denúncia pelo número 181. O serviço é sigiloso e gratuito.

“O homem tinha aparência de uns 65 anos e ainda não foi identificado. Mas já instauramos inquérito policial para apuração dos fatos e identificação da autoria”, explicou a delegada, que solicitou as imagens das câmeras de segurança para auxiliar no trabalho policial.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.