Pillar Costa, ex-Malhação, relembra trauma ao ter vídeo postado em site adulto

A atriz revela que pensou seriamente em cometer suicídio

0

Pillar Costa, atriz da novela Malhação da TV Globo, relembrou um verdadeiro drama em sua vida em seu canal do Youtube nesta terça-feira, dia 7.

Vídeo de Thiago Martins em festa durante a pandemia causa polêmica

Segundo a artista tudo aconteceu em novembro do ano passado, quando um vídeo seu vazou na internet. Ela recebeu a notícia de seu pai de que a gravação estava no site pornô XVídeos:

Era meu pai, de 71 anos, muito nervoso, me peguntando se eu tinha vindo para o Rio para virar prostituta.

O vídeo em questão era de Pillar dançando, de roupa, um funk de forma bem sensual que tinha gravado para um canal de humor. O título do vídeo era A Dançarina Mais Gostosa Pillar.

Depois de 24h, a atriz conseguiu tirar o vídeo de circulação, mas segundo ela, o estrago já estava feito:

Meu pai ficou dois meses sem falar comigo. Muita gente me apontava, me questionava. descobri que já sabiam antes mesmo de me avisarem e aquilo me consumiu. Não porque me confundiram com garota de programa. Até porque, se eu fosse, ninguém teria nada com isso e não vejo como um problema. A questão é ser exposta sem qualquer defesa ou conhecimento.

Pillar revela que caiu em uma grande depressão e pensou seriamente em se matar:

Pensei em me matar de verdade. Escrevi uma carta e guardei. Minha irmã Anna Victória é que percebeu minhas atitudes estranhas e pediu ajuda.

Segundo ela, o assunto foi retomado na web no mês passado e ela decidiu reaver sua própria história, em seus termos.

Pillar cria o projeto Por um Fio

Foi por causa de tudo que ela passou que Pillar decidiu criar um projeto chamado Por um Fio, no qual ela auxilia outras mulheres para denunciarem abusos, bullying, assédio e violência.

Ela revela que já recebeu mais de 200 e-mails de relatos e está fazendo documentários autorizados sobre as histórias das mulheres.

Sobre seu projeto, ela afirma:

De um episódio doloroso nasceu um projeto que acolhe e abraça. Não tenho um tostão para colocar nisso nem tirar. O objetivo é unir mulheres que passam pelo mesmo para que elas não sejam vítimas para sempre. É preciso transformar o negativo em positivo.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.