Peru vence o Chile e ganha sobrevida na disputa por uma vaga na Copa do Mundo

Por sua vez, os chilenos estão cada vez mais longe de uma vaga no Mundial

0

O Peru venceu o Chile por 2 a 0 na noite desta quinta-feira (7), no estádio Nacional de Lima, no Peru, em jogo válido pela 11ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022.

Com esse resultado, a seleção peruana, que é comandada pelo técnico argentino Ricardo Gareca, ganhou uma sobrevida e foi ao sétimo lugar, com 11 pontos, ainda fora da zona de classificação.

Por sua vez, o Chile está cada vez mais longe do Catar, pois termina a rodada com apenas 7 pontos, na antepenúltima colocação.

Agora, na próxima rodada, que é de jogos atrasados da quinta, o Peru visita a Bolívia no domingo (10), a partir das 17h, no estádio Hernando Siles.

Enquanto isso, os chilenos recebem o Paraguai, a partir das 21h, no mesmo dia, em San Carlos de Apoquindo, no Chile.

O jogo

O Chile começou o jogo melhor, tentando dominar as ações, mas sem muita objetividade dentro de campo.

Porém, o primeiro chute a gol, embora também sem muito perigo, foi do Peru, com Paolo Guerrero, mas Claudio Bravo defendeu com segurança.

Outra chegada dos peruanos veio aos 17min, com Cueva, que chutou no meio do gol e Bravo novamente defendeu sem muita dificuldade.

Depois, os chilenos chegaram pela primeira vez com mais perigo aos 29min, quando o meia Meneses arriscou e o goleiro Gallese fez a defesa em dois tempos.

Porém, o time da casa estava melhor, e aos 34min, conseguiu abrir o placar no estádio Nacional.

Na oportunidade, Guerrero chutou, Bravo fez grande defesa e, na sobra, Cueva marcou o gol peruano: 1 a 0.

Logo, os chilenos, desesperados, tentaram ir para cima em busca do empate, mas não conseguiram no primeiro tempo.

Etapa final

Na volta do intervalo, o Chile voltou melhor e quase empato no primeiro minuto, com Vegas, em chute que passou bem perto do gol.

No entanto, o time visitante não teve objetividade para empatar e ainda viu os donos da casa ampliarem aos 17min.

Na oportunidade, Peña mandou para o gol, o goleiro espalmou e ele próprio mandou para o gol: 2 a 0.

Leia também: Brasil passa sufoco, mas vira e vence a lanterna Venezuela nas Eliminatórias

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.