Parlamento da Alemanha aprova aumento do poder do Governo Federal

Aprovação aconteceu sob muita polêmica. É que com o aumento do poder, o governo de Angela Merkel vai poder controlar medidas de isolamento

1

O Parlamento da Alemanha aprovou nesta quarta-feira (18) um pacote de medidas que, na prática, aumenta o poder do Governo Federal. Esse aumento de poder vai servir para ajudar o Governo a criar medidas para controlar o avanço da pandemia do novo coronavírus por lá.

Mas se engana quem pensa que isso aconteceu de maneira tranquila. Milhares de alemães realizaram um grande protesto na cidade de Berlim. A grande maioria absoluta das pessoas estava sem máscara.

Os manifestantes pediam a não aprovação dessa medida que dá mais poderes para o governo da primeira-ministra Angela Merkel. Entre outras coisas, Merkel vai poder exigir que a população use máscaras e pode definir o fechamento de lojas.

E esses são os maiores pontos de crítica. Merkel não estava conseguindo tomar o controle da situação justamente porque alguns governos regionais não estavam querendo exigir as medidas de isolamento social em suas regiões.

O resultado é que a Alemanha voltou agora a apresentar níveis alarmantes de transmissão do coronavírus. Por isso, Merkel agora quer ter um controle nacional da situação. Mas não se sabe até que ponto o possível crescimento desses protestos podem atrapalhar esses planos.

Poder central

O Brasil vive um pouco dessa situação, mas de outro modo. Por aqui, o presidente Jair Bolsonaro não costuma dar muita atenção para os pedidos de isolamento social. Mas a maioria dos governadores dos estados, sim. O impasse tanto aqui como na Alemanha acaba portanto sempre em polêmica.

Fato mesmo é que o coronavírus voltou a crescer tanto na Alemanha como aqui no Brasil. Nos dois casos, os números de novas internações começam a preocupar os chefes de governo. Especialistas seguem indicando o isolamento social como melhor arma até a chegada de uma vacina.

1 comentário
  1. […] pessoas morreram e outras 15 estão com ferimentos graves na Alemanha, depois que um carro avançou contra pedestres nesta terça-feira (1). De acordo com as […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.