Paraná confirma 848 casos de Dengue no estado

0

A Secretaria da Saúde do Paraná informou que o estado registrou 848 casos de Dengue, um aumento de 14,4% em relação ao informe anterior. Desta forma, os casos confirmados da doença estão distribuídos em 126 municípios. Destes, 111 dos casos são autóctones. Isso quer dizer que a infecção pelo vírus da dengue ocorreu na cidade de residência do paciente. Esses dados foram divulgados no boletim quinzenal da dengue, desta última terça-feira (20).

De acordo com a secretaria, o período de monitoramento abrange o mês de agosto deste ano e seguirá até julho de 2021. “Existe circulação do vírus no estado e o Governo do Paraná está atento; alertando os gestores municipais e apoiando ações de combate”, disse o secretário estadual da Saúde, Beto Preto, em matéria veiculada pela Secretaria da Saúde do Paraná.

O governador ainda explica que a participação da população é imprescindível para erradicar os criadouros e focos do mosquito transmissor. “Mas, este enfrentamento não depende apenas dos órgãos governamentais, por isso reiteramos que a participação da população é fundamental para a eliminação dos criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya: a melhor forma de combate é com a remoção de recipientes que possam acumular água nos ambientes internos e externos dos domicílios”, explicou.

Sintomas da Dengue

De acordo com o Ministério da Saúde, a dengue é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti. Além disso, os principais sintomas da dengue são:

  • Febre alta > 38.5ºC.
  • Dores musculares intensas.
  • Dor ao movimentar os olhos.
  • Mal estar.
  • Falta de apetite.
  • Dor de cabeça.
  • Manchas vermelhas no corpo.

Segundo a Pasta, a infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou grave. Neste caso, a forma grave da doença inclui dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes e sangramento de mucosas.

Com informações da SES Paraná e do Ministério da Saúde

Veja também: Sintomas da dengue: quais são e como tratar

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.