Papa Francisco completa 84 anos em meio a um dos momentos mais difíceis para Igreja

1

O papa Francisco completa 84 anos nesta quinta-feira (17). Nascido em Buenos Aires em 17 de dezembro de 1936, filho de imigrantes de Piemonte, no norte da Itália, Jorge Mario Bergoglio comemora seu aniversário no Vaticano dando continuidade à vida cotidiana de todos os tempos. 

Firmemente assentado no trono de Pedro, a idade avançada não o impede de liderar a Igreja com firmeza e uma agenda sempre cheia de compromissos e projetos. Na próxima segunda-feira (21) está agendado o discurso habitual à Cúria Romana para mostrar que seu pontificado tentou torná-lo menos “lei Rei” e mais órgão de serviço, descreve a imprensa italiana. Em março, o papa parte para o Iraque em uma viagem que promete ser histórica para trazer conforto à minoria cristã e à população que vive em dificuldade no país do Oriente Médio.

Personalidades desejaram felicidades ao papa Francisco pela data. Entre eles, o primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte que escreveu no Twitter: “Parabéns, Papa Francisco. Seguimos com o maior respeito o seu compromisso por uma Igreja de ‘proximidade’, sempre atenta às necessidades dos mais pobres, dos mais frágeis, dos mais pequenos ”. O presidente da Itália, Sergio Mattarella, também enviou uma menságem de aniverário ao papa. “Durante este ano terrível de pandemia, Francisco não permitiu que faltasse simpatia e solidariedade a todos os italianos”, disse.

História do papa

Anos se passaram desde que seu pai Mário, empregado da ferrovia, e sua mãe, Regina Sivori, que cuidava da casa e da educação dos cinco filhos, se casaram. Bergoglio cresceu em Buenos Aires em uma família serena que não impediu seu desejo de ser padre. 

Ele foi ordenado sacerdote em 13 de dezembro de 1969 e por seis anos foi provincial dos Jesuítas da Argentina. Primeiro bispo auxiliar de Buenos Aires e depois arcebispo, em 28 de fevereiro de 1998. Após a morte do cardeal Quarracino, ele o sucedeu à frente da diocese. 

Bergoglio tornou-se cardeal em 2001 e depois foi eleito papa em 13 de março de 2013, depois de uma época triste e sombria da Igreja chamada “Vatileaks”. Hoje, depois de quase oito anos de pontificado, muitas reformas foram iniciadas e outras são esperadas no futuro. 

 

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.