O que é cinomose e como evitar

0

A cinomose é uma doença que acomete apenas os cães. Neste sentido, transmite-se por um vírus resistente, que prefere locais frios e secos. Contudo, em lugares quentes e úmidos, ele consegue sobreviver por um mês.

É um vírus bastante agressivo e oportunista, que atinge principalmente os cães que estão com o sistema imunológico enfraquecido (filhotes, idosos ou fracos devido a alguma doença ou estresse).

Como é a transmissão?

Ela se dá através de animais que se contaminam por contato direto com outros animais já infectados ou pelas vias aéreas quando respiram o ar já contaminado pelo vírus.
Não é transmitida ao ser humano.

Quais são os sintomas da cinomose?

Febre, falta de apetite, tristeza, vômito, diarreia, secreção ocular e nasal. Quando atinge o sistema nervoso o cão pode apresentar tremores, tiques nervosos, convulsões e paralisias.

Como prevenir?

Vacinação (V8 ou V10)

Quando vacinar?

– Cães filhotes com 45 dias de vida devem receber a primeira dose de vacina contra cinomose e repetir a cada 21 dias mais duas doses, totalizando 3 doses.
– Cães adultos devem receber uma dose ao logo de toda sua vida , ou seja de 12 em 12 meses.

Onde vacinar meu cão contra cinomose?

Somente o médico veterinário é capacitado para realizar as vacinas e orientações com cuidados e prevenções ao seu cão.

NÃO VACINE EM LOCAIS QUE NÃO TENHAM O MÉDICO VETERINÁRIO DENTRO DO CONSULTÓRIO.

Qual a garantia de que meu cão foi vacinado corretamente?

O médico veterinário irá emitir um atestado de vacinação da cinomose (carteirinha) com a etiqueta do frasco da vacina, devidamente carimbado e assinado.

Em resumo, a melhor prevenção é a vacina. Então não deixe de vacinar o seu pet, pois a cinomose é uma doença séria e você pode evitá-la.

Gostou do artigo? Deixe o seu comentário.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.