Anarquismo: o que é, conceito, contexto histórico e ideias

0

O anarquismo é uma ideologia política que prega que todas as hierarquias devem ser abolidas, pois todos nós devemos ser responsáveis por nós mesmos. Não se trata apenas de ser contra o governo, ou contra o sistema capitalista. Ele é contra o governo e todos os outros sistemas que compõem o estado (polícia, judiciário, etc), contra o capitalismo, e contra qualquer outra hierarquia social, econômica ou cultural.

É bom que se destaque que, diferente dos comunistas, os anarquistas não são contra o estado e o capitalismo, porque na opinião deles eles fazem mal, mas simplesmente por serem contra hierarquias.

Leia mais: Capitalismo: origem, características, mais-valia e críticas

A história do anarquismo

Com a expansão do capitalismo no século XIX, muitos anarquistas viram um crescimento muito grande no que chamam de “autoritarismo” em todas as estruturas sociais. Muitos  conhecidos antes defendiam o comunismo, mas por conta do comunismo precisar do processo do socialismo como meio de transição muitos se desvincularam da ideia e criaram sua própria ideologia.

Um dos exemplos de defensor da teoria socialista foi Pierre-Joseph Proudhon, que serviu de base para a teoria anarquista. O anarquismo não tem um criador em si, por conta de alguns trabalhadores serem responsáveis pela expansão da ideologia.

Leia mais: Laranja Mecânica: resenha e crítica da obra

Um dos eventos mais antigos que se pode ter acesso de surgimento da ideia anarquista foi a “Associação Internacional dos Trabalhadores”, que foi realizada por operários (muitos compactuando com o ideal)  criaram a Associação para se discutir entre eles os melhores meios de se resolver os problemas. A AIT foi responsável por diversas greves e mudou muito o contexto social e político da época.

Depois do colapso socialista e a queda União Soviética (em 1992), a luta mudou de lado e passou a pregar contra as ideias liberais. Porém, apesar disso, a luta contra o estado e o capitalismo continua.

 

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.