Mulher é presa suspeita de mandar matar empresário por conta de dívida

Dois homens também foram presos. Segundo a PM, a dupla armada simulou um assalto e invadiu a casa do empresário

1

Uma mulher foi presa, na tarde desta quinta-feira (24), suspeita de mandar matar um empresário do ramo de comércio por causa de uma dívida que ela tinha com ele, de R$ 750 mil. O crime aconteceu nesta manhã, na casa da vítima, na Região Nordeste de Belo Horizonte (MG).

Leia também: Jovem não reage a assalto em supermercado e mesmo assim é morto; veja o vídeo

Além da mulher, outros dois homens também foram presos. De acordo com a Polícia Militar (PM), a dupla simulou um assalto e invadiu a casa do empresário. Chegando no local, eles pediram o celular do empresário, que o entregou sem reagir.

No entanto, mesmo assim, um dos criminosos deu dois tiros na cabeça da vítima. Segundo a PM, os homens fugiram em um carro roubado e a mulher suspeita de ser a mandante do crime estava dirigindo o veículo.

Suspeitos confessaram o crime 

A PM chegou até os acusados após denúncias anônimas. Capturados, os três confessaram o crime. Até o momento, as identidades dos envolvidos não foram divulgadas pela PM. Ainda segundo a PM, o irmão da vítima revelou que a suspeita havia comprado uma das casas da vítima, pelo valor de R$ 750 mil, todavia, não teria efetuado o pagamento.

Por não ter pago o comerciante, a vítima chegou a dizer que a mulher, caso não efetuasse o pagamento, seria despejada. O irmão do empresário revelou que não sabe dos detalhes e prazos da negociação, mas afirma que o comerciante já havia comentado que a mulher “parecia uma caloteira”.

Esse não foi o primeiro calote da mulher, que conforme apontou a Polícia Militar, é suspeita de aplicar outros golpes de estelionato.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.