Mônica Martelli segue internada com gastroenterite aguda

As apresentações de sua peça 'Minha Vida em Marte' foram adiadas

0

Mônica Martelli segue internada na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, desde o último domingo (19), após ser diagnosticada com gastroenterite aguda. Em comunicado para a imprensa, nesta terça-feira (21), a assessoria da atriz revela que as apresentações da peça ‘Minha Vida em Marte’ foram adiadas por recomendações médicas.

Power Couple: Brenda se desculpa com Karol após brigas

“As apresentações do espetáculo ‘Minha Vida em Marte’ que aconteceriam no dia 23 de junho em Novo Hamburgo (RS) e 26 de junho em Curitiba estão sendo adiadas. Em Novo Hamburgo, o espetáculo terá sua sessão no dia 26 de agosto no teatro Feevale; já em Curitiba, a data foi postergada para o dia 18 de agosto, no Guairão”, afirmou a nota.

No Instagram, ela tranquilizou os fãs e reafirmou seu amor pelo teatro: “Sempre prezei pelo respeito e cuidado com o público. O teatro pra mim é um lugar sagrado, de devoção e alegria. Estar aqui falando sobre isso pra vocês dói em mim, mas é importante”.

“No último domingo eu passei mal, fui ao hospital e sigo internada até agora. Fui diagnosticada com uma gastroenterite aguda e algumas decisões precisaram ser tomadas em relação à agenda de ‘Minha Vida Em Marte’. Desde já agradeço o carinho e compreensão de todos!”, finalizou.

Mônica Martelli
Reprodução/Instagram

Mônica ainda sofre com a morte de Paulo Gustavo

Monica Martelli desabafou, em entrevista para o ‘É de Casa’, da TV Globo, no ano passado, que não conseguia mais ver os filmes que fez com Paulo Gustavo. O ator faleceu no dia 4 de maio de 2021, vítima das complicações da Covid-19.

“Já faz um tempo que não assisto [aos filmes], por causa do Paulo nem consigo mais […] É diariamente tentar que a dor não seja maior que a alegria que foi ele foi ter feito parte da minha vida. Ter tido a convivência que eu tive com um cara como PG, que foi um gênio, foi um privilégio que eu vivi”, explicou a atriz, que atuou com Paulo em ‘Minha Vida em Marte’, ‘Minha Mãe é Uma Peça’ e ‘Homens São de Marte e é Para Lá que eu Vou”.

Para Monica, sua vida tinha, agora, um antes e depois: “Minha vida hoje é uma vida antes e depois, porque você tem que inventar uma vida sem aquela figura que era tão presente na sua vida. Uma pessoa como Paulo Gustavo, com a personalidade que ele tinha, e o tamanho que ele ocupava na minha vida, a gente tinha muitos projetos juntos”.

 

Veja também: Itaipava processa Alok em R$17 milhões após DJ tocar em camarote da Brahma

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.