Latam anuncia que retomará 62% da operação no Brasil em junho

Taxa de crescimento acontecerá em relação aos dados registrados em junho de 2019, quando ainda não havia pandemia no mundo

0

A Latam retomará 62% da operação brasileira em junho deste ano, na comparação com o mesmo mês de 2019. À época, o mundo não sofria com a pandemia da Covid-19. A saber, a operação doméstica é medida em assento por quilômetro disponível (ASK, sigla em inglês).

De acordo com a Latam, essa retomada de operação para este mês representa ainda crescimento de 49,8% em relação a maio deste ano. “O crescimento reforça o otimismo da Latam com a retomada do setor mediante o avanço no processo de vacinação e consequente aumento da demanda de passageiros”, afirmou a empresa, em nota.

Com essa retomada da operação, a companhia aérea passará a atender 44 destinos domésticos. Assim, alcançará uma média de 310 voos diários de passageiros, superando as 250 viagens registradas em maio. Além disso, a Latam também retomará 15% da sua capacidade (medida em ASK) da operação para o exterior, atendendo 11 destinos internacionais, que incluem Nova York, Lisboa, Santiago, Madri, Frankfurt.

“Todas as estimativas estão sujeitas à evolução da pandemia, bem como às restrições de viagens estabelecidas pelos países”, ponderou a Latam. Isso porque, apesar do avanço da vacinação no Brasil e da estabilidade nos números de casos e mortes, ambos continuam muito altos. Aliás, há riscos de uma terceira onda da Covid-19 no país.

Veja mais detalhes da operação da Latam

A operação de passageiros da Latam Brasil em maio deste ano alcançou 51,2% de passageiro por quilômetro transportado (RPK, na sigla em inglês) na comparação com maio de 2019. Por sua vez, o assento por quilômetro oferecido (ASK) atingiu a marca de 49,8% no mês.

A saber, a previsão do Grupo Latam é que sua operação alcance até 36% da sua capacidade total (em ASK) em junho deste ano, quando comparado ao mesmo mês de 2019. O volume também supera a capacidade operada por todo o grupo em maio deste ano, de 30,8%.

Por fim, o Grupo Latam afirma que irá operar 691 voos diários de passageiros (domésticos e internacionais). Isso acontecerá com 114 destinos, distribuídos em 14 países. Já na divisão de cargas, a previsão é que a companhia realize 1 mil voos em aeronaves cargueiras, alta de 20% na comparação com junho de 2019.

Leia Mais: Mercado doméstico aéreo do Brasil tem pior desempenho do mundo em abril

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.