Jürgen Klopp fica impressionado com erro de arbitragem no jogo do Liverpool

0

Em entrevista concedida à beira do gramado do estádio do Everton, em Liverpool, o técnico dos Reds, Jürgen Klopp, não escondeu sua insatisfação com a decisão da arbitragem que custou a vitória ao lado vermelho do dérbi de Merseyside.

A reportagem designada pela Premier League para falar com Klopp, foi no ponto exato e extraiu o sentimento de chateação do treinador alemão do Liverpool com a postura do árbitro assistente de vídeo (VAR), que anulou gol de Jordan Henderson nos acréscimos que consagraria mais uma vez os comandados de Jürgen.

Sem risadinha de Klopp Foto Twitter Liverpool
Sem risadinha de Klopp / Foto: Twitter Liverpool

Além do mais, o Liverpool chegou a estar duas vezes a frente no placar e viu seu rival histórico reagir em duas ocasiões. Os gols do Liverpool foram da consagrada dupla africana de Sadio Mané e Mohammed Salah. Porém, Michael Keane e Dominic Calvert-Lewin deixaram tudo igual

Mas há de ressaltar o domínio do time de Klopp. O Liverpool saiu na frente do placar com apenas dois minutos de jogo em um ataque no melhor estilo blitze ofensiva. Inspirado justamente no modelo de alemão de ataque, vindo dos tempos das Guerras Mundiais.

Liverpool mantém tabu mesmo com gosto amargo

Apesar das reclamações de Jürgen Klopp, e da chateação com o ocorrido por parte dos jogadores dos Reds, o mais importante marco do dia, foi mantido pelo Liverpool.

Com o empate de hoje, conforme você leu em reportagem anterior do Brasil123, são completados exatos 10 anos em que o lado vermelho do Merseyside não sabe o que é perder para o Everton, o lado azul da cidade dos Beatles.

Mas a continuidade do Campeonato Inglês parece mais favorável ao time do Pombo, Richarlison, expulso hoje por falta criminosa em Thiago Alcântara. Pois, os Toffees seguem invictos e continuam líderes da Premier League. Por sua vez, o Liverpool não conseguiu se recuperar totalmente do 7 a 2  sofrido contra o Aston Villa.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.