Internacional perde em casa para o São Paulo, que comemora primeiro triunfo no Brasileirão

Colorado segue sem vencer dentro de casa e no sábado ainda encara o Grenal

0

O Internacional perdeu em casa por 2 a 0 para São Paulo na noite desta quarta-feira (7), no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time comandado pelo técnico uruguaio Diego Aguirre, segue sem vencer em casa na competição.

Além disso, segue em 14º lugar, com 10 pontos ganho e já começa a temer a aproximação da zona de rebaixamento.

Enquanto isso, o Tricolor, comandado pelo técnico argentino Hernán Crespo, que voltou ao time após se recuperar da Covid-19, conquistou a primeira vitória no campeonato, foi a 8 pontos e deixou a zona de degola.

Agora, na próxima rodada o Colorado tem pela frente o clássico contra o Grêmio, fora de casa, no sábado (10), a partir das 16h30, na estreia do técnico Luiz Felipe Scolari no rival

Por sua vez, o Tricolor do Morumbi joga no mesmo dia, mas às 19h, quando recebe o Bahia.

O jogo

O São Paulo abriu o placar logo aos 2min, com Rigoni, que aproveitou falha da defesa do Inter. Ele ganhou na velocidade, o goleiro Daniel saiu mal, o são-paulino driblou e mandou para o gol, quase sem ângulo, fazendo 1 a 0.

Em seguida, com Yuri Alberto, o Inter quase empatou. Ele chutou de fora da área e Tiago Volpi espalmou para escanteio.

Mas o jogo estava aberto e o São Paulo era melhor. Chegou a marcar um gol aos 11min com Éder, mas para a sorte do Inter, ele estava impedido.

Depois, aos 15min, agora pela direita, Rigoni recebeu livre, dominou e mandou na saída do goleiro, ampliando o placar para o Tricolor: 2 a 0. Mas, novamente, estava impedido, desta vez de forma milimétrica, em jogada confirmada pelo VAR (árbitro de vídeo).

Em seguida, aos 20min, Caio Vidal quase empatou para o Inter. Ele recebeu pela direita, livre e mandou por cima.

Assim, dois minutos depois, o atacante perdeu outro gol feito na mesma posição, mas desta vez ele chutou em cima de Volpi, que manou para escanteio.

Depois, o São Paulo voltou a controlar o jogo e até teve uma boa chance com Rigoni, aos 27min, quando chutou por cima do gol.

Mais tarde, aos 36min, o Inter perdeu Maurício, que torceu o tornozelo, e foi substituído por Boschilia.

Antes do intervalo, aos 47min, Rigoni perdeu outro gol feito com Rigoni, que cabeceou à queima roupa e Daniel fez grande defesa.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, o São Paulo continuou melhor, comandando as ações no início da etapa final, enquanto o Internacional tinha muitas dificuldades.

Assim, aos 8min, após cobrança de falta da esquerda, a zaga afastou parcialmente e Igor Gomes pegou de voleio, mandando no canto direito de Daniel: 2 a 0.

O gol desmontou de vez o Inter, que não conseguia reagir e atacava sempre de forma desordenada.

Assim, o placar acabou inalterado.

Leia também: Atlético-GO e Sport empatam por 1 a 1 em jogo de poucas emoções

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.