INSS confirma antecipação do 13° em duas parcelas; Confira

1

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) confirmou a antecipação, a partir deste ano, do 13° salário dos aposentados e pensionistas. A medida foi autorizada após publicação no Diário Oficial da União do Decreto Nº 10.410, no dia 1º de julho de 2020.

Em 2020 a antecipação se fez necessária após o vírus da Covid-19 atingir fortemente a economia do país.

A intenção do decreto é que a medida continue sendo uma opção nos próximos anos, sem a necessidade da divulgação por parte do Governo Federal.

13º salário em 2021

A antecipação do 13° salário em 2020 aconteceu entre o final do mês de abril e começo de junho. Conforme o calendário oficial do INSS, o abono deveria ser pago no período natalino, mesmo que a primeira parcela fosse depositada em agosto.

A partir deste ano e os seguintes, caso não houver nenhuma mudança, a primeira parcela do décimo terceiro será paga em agosto, 50% do benefício. O restante vem no mês de novembro, concluindo assim os 100% do benefício.

Com essa alteração, aposentados e pensionistas do INSS poderão receber parcelas do 13° junto ao salário do mês correspondente.

Abaixo confira quem poderá antecipar:

  • os aposentados;
  • os que recebem pensão por morte;
  • salário-maternidade;
  • auxílio-doença e
  • auxílio reclusão.

Não deixe de ler: Vai solicitar o BPC? Confira o que é exigido para receber o benefício

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Leia também: INSS confirma antecipação do 13° em duas parcelas; Confira […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.