Índices americanos seguem direções opostas no pregão desta quarta (7)

S&P 500 atinge nova máxima de fechamento, enquanto Nasdaq tem leve queda

0

As bolsas americanas fecharam a sessão desta quarta-feira (7) sem direção única. No dia, os recentes dados positivos do mercado de trabalho dos Estados Unidos até que impulsionou os índices. No entanto, o que prevaleceu foi a repercussão dos investidores em relação à ata da última reunião do Federal Reserve (Fed), o banco central americano, para definir a política monetária do país.

Em resumo, essa reunião aconteceu em 17 de março. Nela, o Fed decidiu manter a meta da taxa de juros de referência entre 0% e 0,25%. E isso aconteceu, porque, segundo a instituição, a inflação do país não iria disparar, como muitos economistas temiam. E, mesmo com a injeção de trilhões de dólares na economia americana, uma possível elevação seria passageira.

Aliás, na ata da última reunião de política monetária, os membros do Fed afirmaram que as metas de emprego e inflação da instituição ainda demorariam para serem atingidas. E, só a partir disso, que a entidade financeira pensaria em elevar a taxa de juros no país. “A maioria dos participantes notou que considerava os riscos para as perspectivas para a inflação amplamente equilibrados”, dizia a ata.

Esta segurança passada pelo documento não conseguiu acalmar os operadores, e os índices americanos passaram o dia entre ganhos e perdas. Além disso, ainda há insegurança em relação à pandemia da Covi-19, com diversos países do mundo registrando novos surtos de infecções ou endurecendo suas medidas restritivas para conter novas ondas de contágio e mortes.

 

Índices americanos encerram dia no azul

Diante destas notícias, o índice S&P 500 fechou o dia com leve alta de 0,15%, mas suficiente para fazer o índice alcançar um novo recorde de fechamento. Enquanto isso, o Dow Jones também subiu no dia, mas de maneira ainda mais tímida (0,05%). Por fim, o índice tecnológico Nasdaq teve a única queda da sessão (-0,07%).

 

Leia mais sobre Economia no Brasil123.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.