Indiano é morto pelo próprio galo durante “briga de galos”

0

Um galo, que tinha uma faca presa à pata para uma briga ilegal de galos, matou o próprio dono no sul da Índia. A polícia local informou neste domingo (28) que a ave feriu o homem gravemente na virilha enquanto tentava escapar. Como resultado, o caso levou as autoridades a iniciar uma busca aos organizadores do evento.

Na Índia, milhares de galos morrem a cada ano nas batalhas (Foto: reprodução)

A vítima, Thangulla Satish, de 45 anos, morreu devido a perda de sangue antes que pudesse chegar a um hospital no distrito de Karimnagar, no estado de Telangana. O caso ocorreu na semana passada, de acordo com a polícia. Conforme a mídia local, o galo foi apreendido na delegacia de polícia local antes de ser enviado para uma granja avícola. 

Satish foi uma das 16 pessoas que organizaram a competição ilegal na vila de Lothunur. Os envolvidos que estão foragidos podem responder por homicídio culposo, apostas ilegais e briga de galos. 

Briga de galos na Índia

Brigas de galos são ilegais na Índia, mas ainda são comuns nas áreas rurais. Galos especialmente criados têm facas ou lâminas de 7,5 centímetros amarradas às pernas e a aposta é sobre qual ave vencerá a luta. As batalhas continuam até que uma ave morra ou fuja, declarando a outra ave como vencedora.

Milhares de animais morrem a cada ano nas competições que, apesar dos esforços dos grupos de defesa dos animais, atraem grandes multidões. No ano passado, um homem foi morto quando uma lâmina presa à perna da ave o atingiu no pescoço durante uma das brigas. Em 2010, um galo também matou o próprio dono ao cortar uma veia jugular.

Leia também: Casal australiano acusado de escravizar indiana por oito anos enfrenta tribunal

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.