Homem é preso suspeito de matar, carbonizar e enterrar corpo de mulher

O suspeito confessou que matou Stefania Monteiro e, depois disso, carbonizou o corpo da mulher e o enterrou, com ajuda do pai, que também acabou sendo preso

1

A Polícia Civil prendeu em Osasco (SP), nesta sexta-feira (05), um homem suspeito de matar, carbonizar e enterrar o corpo de uma mulher em Passa Quatro (MG). De acordo com as autoridades, Stefania Monteiro, de 37 anos, está desaparecida desde dezembro do ano passado e as investigações ocorriam em segredo de Justiça.

Leia também: Polícia prende membro de facção acusado de matar diarista a tiros no DF

Em nota, a polícia revelou que Renato Franca Silva, de 30 anos, foi capturado enquanto visitava um filho. Ainda segundo as informações da polícia, o suspeito confessou que matou Stefania Monteiro e, depois disso, carbonizou o corpo da mulher e o enterrou, com ajuda do pai, que foi preso na semana passada.

Em nota, o delegado responsável pelo caso, Bruno de Souza Cunha, revelou que a investigação iniciou no dia 30 de dezembro de 2020, quando os familiares da então desaparecida procuraram a unidade de Polícia Civil de Passa Quatro.

O suspeito confessou que matou Stefania Monteiro e, depois disso, carbonizou o corpo da mulher e o enterrou, com ajuda do pai, que foi preso na semana passada. (Foto: reprodução)
O suspeito confessou que matou Stefania Monteiro e, depois disso, carbonizou o corpo da mulher e o enterrou, com ajuda do pai, que foi preso na semana passada. (Foto: reprodução)

 

“Várias diligências foram realizadas e, desde o início, tratamos o fato como homicídio. Depois de deferida a prisão temporária em razão da representação por nós ofertada ao juiz da comarca de Passa Quatro, logramos na prisão dos suspeitos”, relatou o delegado.

De acordo com as investigações, Stefania Monteiro mantinha um relacionamento com Renato Franca há mais de um ano e se mudou para Passa Quatro para morar com ele. A família dela constatou o desaparecimento dela no fim de dezembro, após ela não atender o telefone e não aparecer para visitar o filho durante o natal, em Aparecida do Norte (SP).

Apesar de ter confessado o crime, até o momento, não se sabe a motivação para o homicídio. Fato é que, agora, a expectativa é que ele seja transferido para a cidade de Passa Quadro, onde o crime aconteceu, e mostre para a polícia o lugar em que o corpo de Stefania Monteiro está.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Instagram para acompanhar todas as notícias!

Leia Também:

1 comentário
  1. […] Leia também: Homem é preso suspeito de matar, carbonizar e enterrar corpo de mulher […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.