Hamilton se recupera e crava pole 91 em Silverstone

0

Hexacampeão de Fórmula 1, Lewis Hamilton brilhou neste sábado e fez a pole position para o GP da Ingalterra, em Silverstone. Além disso, o piloto britânico conseguiu o novo recorde extra-oficial da pista, em uma volta 1min24s303 com a Mercedes. O britânico bateu o companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas por 0s150. O terceiro lugar foi do holandês Max Verstappen, com a Red Bull, a mais de um segundo da pole position.

Hamilton pronto para voar baixo Foto Twitter Mercedes
Hamilton pronto para voar baixo / Foto: Twitter Mercedes

O treino e os percalços de Hamilton até a pole

Na Q1, quem liderou foi Bottas, que marcou 1min25s801. O segundo foi Lewis Hamilton, à frente de Max Verstappen. As Raincg Point de Stroll e Hulkenberg completou o top-5.  Os eliminados foram Kevin Magnussen, da Haas, Antonio Giovinazzi e Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo, Romain Grosjean, da Haas, e Nicholas Latifi, da Williams.

Hamilton causou bandeira vermelha no Q2

No começo da segunda fase da qualificação, Bottas fez o novo recorde extra-oficial do circuito, com 1min25s015, usando pneus médios. Os compostos usados nas voltas mais rápidas do parte intermediária da classificação pelos pilotos que avançam ao Q3 definem quais serão os pneus da largada.

A menos de 9 minutos do fim do Q2, Hamilton rodou na pista, sujando no traçado. Com isso, o treino foi interrompido pela bandeira vermelha para que fosse feita a limpeza do circuito e as atividades foram retomadas logo depois.

Na retomada do Q2, Hamilton ficou com o segundo tempo, a três décimos atrás de Bottas, ambos de pneus médios. Verstappen e Leclerc também usaram os compostos menos aderentes, mas ficaram mais de um segundo atrás de Bottas. Sainz ainda desbancou Leclerc no quarto posto.

Os eliminados foram: Gasly, da AlphaTauri, Albon, da Red Bull, Hulkenberg, da Racing Point, Kvyat, da AlphaTauri, e Russell, da Williams. Kvyat, porém, largará em 19º, por ter trocado sua caixa de câmbio.

Pole de Hamilton foi destruidora

Logo no começo da parte final do treino, Hamilton fez 1min24s616 e cravou o novo recorde da pista, colocando-se à frente de Bottas e Verstappen. Hamilton ainda melhorou o tempo, com 1min24s303. Leclerc surpreendeu conseguindo um bom quarto lugar para a Ferrari e Vettel decepcionou em décimo. Do quinto ao nono ficaram Norris, Stroll, Sainz, Ocon e Ricciardo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.