Fluminense vence o Botafogo com gol de Manoel

Tricolor foi amplamente superior ao longo dos 90 minutos.

0

O Fluminense vem atravessando por um momento difícil na temporada. Isso porque, como já se sabia há um bom tempo, o garoto Luiz Henrique fez seu último jogo com a camisa do Tricolor neste domingo (26). Além disso, a despedida de Fred está marcada para o próximo dia 21 de julho, quando o Flu receberá o Ceará.

Dito isso, dentro de campo a equipe de Fernando Diniz vive uma situação diferente. Isto é, após vencer Avaí e Cruzeiro em sequência na última semana, o domingo (26) foi marcado por um Clássico Vovô de amplo domínio do Fluminense. Isto é, só para se ter uma noção, a equipe de Diniz trocou 671 passes ao longo dos 90 minutos, contra apenas 175 do Botafogo.

No entanto, o Fogão adotou uma postura bastante defensiva e com a tentativa de escapar em contra-ataques. Contudo, a equipe não conseguia sair de trás e pouco incomodou o gol de Fábio. Mesmo assim, o Fluminense só conseguiu marcar seu gol aos 37 do segundo tempo, quando Manoel iludiu dois marcadores na área e fez um belo gol.

Fluminense
Manoel anotou uma verdadeira pintura no Nilton Santos. Foto: Marcelo Gonçalves.

Fluminense e Botafogo estavam empatados na classificação

Além de ter embalado a terceira vitória consecutiva, o Fluminense conseguiu entrar no G6 com o resultado. Com 21 pontos ganhos, o Tricolor terá agora algo bastante desejado pelos treinadores ao longo do Brasil: uma semana cheia para trabalhar. Isso porque, os cariocas foram eliminados da Copa Sul-Americana ainda na primeira fase.

Já o Botafogo terá o duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil contra o América-MG. Isto é, Luís Castro não terá muito tempo para lamentar a derrota, mas precisa mudar a postura do time. Vale lembrar que o Coelho vem de cinco jogos ruins no Brasileirão e entrou no Z4 nessa rodada. Isto é, o Bota pode se aproveitar disso para construir o resultado.

Dito isso, os quase 30 mil pagantes que estiveram no Estádio Nilton Santos neste domingo (26) viram o Fluminense bem no estilo de Fernando Diniz. Além do alto número de passes trocados, o Nense teve 73% de posse de bola, ou seja, basicamente três quartos do tempo.

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.