Flamengo bate o Cuiabá e respira no Brasileirão

Rubro-negro encerrou série de derrotas nesta quarta-feira (15).

0

No primeiro jogo de Dorival Júnior em casa, o Flamengo conseguiu vencer um confronto importante pelo Brasileirão. Diante do Cuiabá, o Fla não podia contar com outro resultado que não fosse a vitória. Isso porque, caso perdesse, o Rubro-negro entraria na zona de rebaixamento, algo inimaginável até antes do campeonato começar.

Dito isso, com a demissão de Paulo Sousa e a chegada de Dorival, o Flamengo ainda passa por um período de conhecimento do novo técnico. No entanto, algumas decisões tomadas por Dorival no jogo de ontem (15) agradaram. Na lateral esquerda, ele optou por Ayrton Lucas, que foi contratado este ano e vem jogando melhor que Filipe Luís, com mais intensidade.

Além disso, a presença de João Gomes no meio de campo também deu outra cara ao setor, visto que é outro jogador que vive uma boa fase. Por fim, a cereja do bolo foi o retorno de Giorgian de Arrascaeta. Fora dos últimos três jogos por conta da Seleção Uruguaia, o camisa 14 retornou dando uma assistência para o gol de Gabriel Barbosa, o segundo da partida.

Flamengo
Gabigol voltou a marcar pelo Brasileirão. Foto: Gilvan de Souza.

Flamengo tem tudo para crescer de produção

Por mais que a saída de Paulo Sousa e a chegada de Dorival tenham sido bastante turbulentas, principalmente pelo fato de Dorival ter “largado” o Ceará, o Flamengo deve subir de produção. No entanto, existem algumas fragilidades que ele ainda precisa corrigir, como a marcação pelos flancos do campo.

Já em relação ao Cuiabá, a derrota deixa o time na antepenúltima colocação, a um ponto do primeiro time fora da zona de rebaixamento. Contudo, o Dourado só conseguiu vencer um dos últimos nove jogos pelo Brasileirão. Isto é, muito provavelmente os comandados de António Oliveira irão lutar contra o rebaixamento.

Agora, os dois próximos compromissos do Flamengo serão contra o Atlético-MG. O primeiro pelo Brasileirão e o segundo pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Vale lembrar que o Galo vai para os confrontos com seu técnico pressionado pelos maus resultados. Dessa forma, os confrontos podem dizer muito sobre o restante de temporada de ambos.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.