Flamengo atropela o Fortaleza em confronto direto e mantém perseguição ao Atlético-MG

Time carioca define o jogo no segundo tempo e vira vice-líder momentaneamente

0

O Fortaleza foi atropelado em casa pelo Flamengo e levou 3 a 0 na noite deste sábado (9), na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com esse resultado, o time da casa, comandado pelo técnico argentino Juan Pablo Vojvoda, continua com 39 pontos, em quarto lugar.

Por sua vez, a equipe carioca, sob comando do técnico Renato Gaúcho, foi a 42 e assumiu momentaneamente a vice-liderança, 11 pontos atrás do líder Atlético Mineiro, mas ainda com dois jogos a menos.

Agora, na próxima rodada, o Leão volta a jogar na quarta-feira (13), quando recebe o Grêmio, a partir das 20h30, no mesmo local.

Enquanto isso, o Rubro Negro joga também na quarta, quando recebe o Juventude, a partir das 19h, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

O jogo

A partida começou bem disputada e a primeira chegada com mais perigo foi do Flamengo, aos 6min, quando o zagueiro Léo Pereira aproveitou cobrança de escanteio e mandou de cabeça para boa defesa de Felipe.

Naqueles primeiros minutos, o time carioca tinha amplo domínio do campo, chegando ao 80% da posse de bola, contra 20% dos donos da casa.

Assim, com 20min de jogo, o Fortaleza não tinha dado um chute a gol sequer na partida, enquanto o Flamengo já tinha feito quatro finalizações.

Mas, aos poucos, o time da casa também começou a se soltar um pouco, no entanto, a maior preocupação era não dar espaços ao ataque do time carioca.

Porém a primeira boa chance mesmo do Fortaleza só veio aos 42min, quando Yago Pikachu tentou encobrir o goleiro Diego Alves e a bola passou bem perto do gol.

Desta forma, o primeiro tempo acabou com o placar inalterado.

Segundo tempo

Na volta para o segundo tempo, David teve uma grande chance logo no primeiro minuto, com David, que mandou bem perto do gol, com desvio.

Porém, aos 14min, Pedro recebeu livre e, de cabeça, marcou o primeiro gol do Flamengo: 1 a 0.

Animado, o time carioca ampliou aos 18min, com Michael, deixando a vitória bem encaminhada: 2 a 0.

Em seguida, aos 21min, novamente com Michael, o Rubro Negro ampliou a contagem: 3 a 0.

No minuto seguinte, Ronald ainda foi expulso de campo por agredir Rodrigo Caio.

Leia também: Guarani vence o Londrina e se reaproxima do G-4 da Série B do Brasileiro

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.