Final para inglês ver! Chelsea elimina o Real e pega o Manchester City na Liga dos Campeões

Depois de empatar por 1 a 1 no jogo de ida, fora de casa, fez 2 a 0 em Londres

6

O Chelsea venceu o Real Madrid por 2 a 0 na tarde desta quarta-feira (5), no estádio de Stamford Bridge, em Londres e está classificado para a decisão da Liga dos Campeões da Europa.

Mais do que isso, agora vai haver uma decisão totalmente inglesa, já que o Manchester City eliminou o Paris Saint Germain na terça-feira (4). A final será disputada no dia 29 de maio, em Istambul, na Turquia.

O time comandado pelo técnico Thomas Tuschel havia empatado por 1 a 1 no jogo de ida, em Madri, quando já havia jogado melhor. E retorna uma final depois de 9 anos. Será a terceira na história.

E o Real Madrid, do técnico Zinedine Zidane, por sua vez, fica pelo caminho mais uma vez e agora volta as atenções para a reta final do Campeonato Espanhol, onde ainda briga pelo título.

O jogo

A partida começou estudada, com muita marcação e poucas oportunidades de gol. Precisando balançar a rede, o Real Madrid não conseguia pressionar no início.

A primeira grande chance foi do Chelsea, com Rudiger, que chutou forte, de fora da área, e Courtois espalmou para frente.

O time da casa era melhor e chegou a fazer o gol aos 17min, com Timo Werner, mas a jogada foi anulada por impedimento bem marcado pela arbitragem.

O time espanhol teve grande chance aos 25min, com Benzema, mas o goleiro Mendy praticou grande defesa e salvou o Chelsea.

O Real Madrid tinha mais posse de bola naquele momento, mas não conseguia abrir o marcador.

Aos 28min, a falta de efetividade no ataque foi castigada com o gol dos donos da casa, marcado por Werner.

Havertz chutou, a bola bateu no travessão e foi descendo na cabeça do atacante que marcou 1 a 0 para Chelsea, ficando mais perto da vaga.

O time espanhol partiu para cima, tentou o gol em seguida e teve grande chance novamente com Benzema, aos 35min, em cabeçada que o goleiro do time inglês novamente fez grande defesa.

Mas, o primeiro tempo terminou em vantagem parcial de 1 a 0 para o time da casa.

Na etapa final, o Chelsea quase ampliou logo no primeiro minuto, com Havertz, que cabeceou e a bola resvalou no travessão antes de sair por cima.

Outra chance dos Blues veio aos 6min, com o brasileiro Thiago Silva, que aproveitou cruzamento e cabeceou por cima.

Dois minutos depois, foi a vez de Mount desperdiçar a chance da ampliação do placar, ao chutar para fora em jogada que ficou livre com Courtois.

E Havertz seguia perdendo chances. Aos 14min, ficou cara a cara com o goleiro merengue, chutou rasteiro e Courtois salvou com o pé direito.

E, durante a maior parte do segundo tempo, o Chelsea era amplamente superior. O Real não conseguia levar perigo ao gol dos donos da casa.

E, aos 39min, em jogada de linha de fundo, a bola foi cruzada por Pulisic para a pequena área e Mount completou para fundo do gol, fazendo 2 a 0.

 

Leia também: Figueirense ‘herda’ vaga do Hercílio Luz e vai às quartas do Catarinense contra a Chape

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.